Copa do Mundo É hora dos craques aparecerem! França e Polônia se enfrentam no mata-mata da Copa

É hora dos craques aparecerem! França e Polônia se enfrentam no mata-mata da Copa

Mbappé e Lewandowski são as apostas das seleções para o jogo deste domingo

Mbappé e Lewandowski

Mbappé e Lewandowski

Montagem/Reuters

França e Polônia abrem o domingo de oitavas de final da Copa do Mundo. As seleções se enfrentam às 12h (de Brasília) no Estádio Al Thumama, em Doha, no Catar. E as equipes apostam tudo em seus maiores craques para avançar.

Atual campeã do mundo, a França tem em Mbappé a sua maior estrela no Catar. O atacante é um dos artilheiros do Mundial, com três gols marcados contra Austrália e Dinamarca.

Já a Polônia espera um pouco mais de Lewandowski. O atacante balançou as redes somente uma vez no Catar, contra a Arábia Saudita, e ainda perdeu um pênalti na estreia que acabou custando a vitória sobre o México.

Em compensação, a Polônia tem uma defesa bem sólida, comandada pelo goleiro Szczesny. E isso gera bastante preocupação no técnico francês, Didier Deschamps.

“A Polônia defendeu muito nas três partidas da fase de grupos. Defende bem e adora isso. Mas não devemos nos limitar a isso. É um time competitivo, com jogadores experientes, como Szczesny, Glik, Lewandowski, Krychowiak, Zielinski, Grosicki”, disse.

No outro lado, Mbappé é mesmo a maior preocupação da Polônia.

“Como se defender de Kylian Mbappé? Acho que precisamos levar algumas motos para os caras lá atrás. Agora, sério: é difícil jogar contra um dos melhores jogadores do mundo. O conjunto é muito importante, porque ninguém pode pará-lo sozinho”, afirmou o atacante polonês Milik.

Quem avançar do confronto entre Polônia e França vai enfrentar nas quartas de final o vencedor de Inglaterra e Senegal.

FRANÇA X POLÔNIA

Estádio: Al Thumama, em Doha
Data e hora: 4 de novembro, às 12h (de Brasília)
Árbitro: Jesus Valenzuela (EQU)
Assistentes: Jorge Urrego (EQU) e Tulio Moreno (EQU)

FRANÇA
Lloris; Koundé, Varane, Upamecano e Theo Hernandez; Rabiot, Rchouaméni e Griezmann; Dembélé, Mbappé e Giroud. Técnico: Didier Deschamps

POLÔNIA 
Szczesny; Bereszynski, Kiwior, Glik e Cash;  Frankowski, Szymanski, Bielik e Zielinski; Milik e Robert Lewandowski. Técnico: Czesław Michniewicz

Últimas