Com poucas chances, Clayton se despede do Vasco: 'Não foi como eu esperava'

Pouco aproveitado pelo técnico Vanderlei Luxemburgo, o atacante Clayton já se despediu do Vasco. No final da noite de terça-feira, o jogador postou uma mensagem em suas redes sociais para anunciar que não continuará no clube carioca na temporada de 2020. Tinha contrato de empréstimo até o final deste mês e voltará ao Atlético-MG.

"Com o fim da temporada, encerro também minha passagem pelo Club de Regatas Vasco da Gama, clube que tive a alegria de defender com um sabor especial por ser o time de coração de familiares meus. A nossa vida é feita de ciclos e aqui se encerra mais um deles. Infelizmente não foi como eu esperava mas mesmo assim sinto orgulho por ter feito parte de um grupo tão talentoso, dedicado e profissional", disse Clayton, em um post no Instagram.

"Aos meus companheiros, comissão e staff, deixo os meu sinceros agradecimentos e a garantia de que estarei na torcida pelo sucesso de cada um. À nação cruzmaltina, minha eterna admiração. Orgulho de ter vestido essa camisa ! Obrigado, Vasco!", completou o atacante.

Contratado em setembro, Clayton atuou em sete partidas pelo Vasco no Campeonato Brasileiro - apenas uma como titular. Ao todo, acumulou 119 minutos em campo e não marcou gols.