Casagrande e Maurício vencem as corridas da rodada dupla da Stock Car em Goiânia

Na reta final da temporada 2019, a Stock Car teve mais uma rodada dupla neste domingo, em Goiânia, e viu dois dos protagonistas deste ano conquistando as vitórias na penúltima etapa do campeonato. Gabriel Casagrande, pole position com a Crown Racing, venceu a primeira corrida. Na segunda bateria, Ricardo Maurício, que largou em 16º com a Eurofarma RC, fez grande prova de recuperação para triunfar.

Os resultados deixam 'Ricardinho' perto do líder do campeonato, Daniel Serra, também da Eurofarma. O bicampeão das 24 Horas de Le Mans soma 334 pontos, contra 316 do companheiro.

Ambos têm dois títulos na Stock Car e caçam o tri em 2019. Em busca de sua primeira conquista, Thiago Camilo, da Ipiranga Racing, tem 305 pontos. Campeão de 2014, Rubens Barrichello, da Full Time, chega a 283.

Apesar da vitória na primeira corrida em Goiânia, Casagrande está mais distante da briga do topo. De todo modo, o paranaense foi dominante para converter sua pole em triunfo em solo goiano.

Cesar Ramos, da Blau, e Lucas Foresti, da Vogel, fecharam o Top 3, enquanto Serra conseguiu superar Camilo na pista e ganhou a quarta posição do rival, ampliando a vantagem na ponta da tabela. Barrichello fechou a prova no 19º posto.

Na segunda corrida, quem largou da pole foi Julio Campos, que terminou em 10º na prova anterior. O piloto da Prati-Donaduzzi, porém, terminou em sexto. Já Maurício brilhou para escalar o pelotão depois de largar em 16º.

De forma impressionante, o bicampeão da Stock Car foi ganhando posição por posição até receber a bandeira quadriculada em primeiro. O pódio foi completado por Felipe Fraga, da Cimed Racing, e Nelsinho Piquet, da Full Time.

Barrichello foi o quinto, atrás de Valdeno Brito, da Prati-Donaduzzi. Serra ficou na 11ª posição, duas à frente de Camilo. Assim, o campeonato fica embolado para a última etapa, com pontuação dobrada em corrida única, no Autódromo de Interlagos, no dia 15 de dezembro.