Campeonato Paulista São Paulo perde gols e não sai do empate com a Inter de Limeira

São Paulo perde gols e não sai do empate com a Inter de Limeira

Equipe de Rogério Ceni não foi efetiva nas finalizações, ficou no 0 a 0 em casa e agora se prepara para o clássico contra o Santos

Nikão em disputa de bola com jogadores da Inter de Limeira

Nikão em disputa de bola com jogadores da Inter de Limeira

Paulo Pinto/ SPFC.Net

Em jogo que fechou a sétima rodada do Paulistão na noite desta quinta-feira (17), o São Paulo empatou em 0 a 0 com a Inter de Limeira no estádio do Morumbi. Com isso, o Tricolor Paulista somou apenas um ponto e permanece na segunda posição do Grupo B, agora com 8 pontos. Já o clube do interior continua na lanterna da chave A, com 7 pontos.

Agora, o time do Morumbi se prepara para encarar o Santos no clássico de domingo na Vila Belmiro. O Peixe, que perdeu nesta quinta para o Mirassol fora de casa, joga pressionado no litoral. O duelo começa às 18h30 e terá transmissão da Record TV, do R7 e do PlayPlus.

A Inter de Limeira também joga no próximo domingo, só que em casa. O time do interior recebe a Ferroviária, às 20h30, no Estádio Major José Levy Sobrinho. 

O jogo
O São Paulo começou tomando a iniciativa. Com Nikão, o time chegou na área adversária e teve uma boa chance logo nos primeiros minutos, mas Léo pecou na finalização e isolou a bola. Diferente dos últimos jogos, a equipe comandada pelo técnico Rogério Ceni passou a arriscar chutes de fora da área, algo que não estava acontecendo anteriormente.

Aos 23’, mais uma grande chance do time da casa. Nikão deixou para Marquinhos, que cruzou na área. O próprio camisa 10 apareceu para cabecear, mas o goleiro Rafael Pin defendeu. Como resposta, Matheus Galdezani mandou uma bomba de fora da área e Jandrei foi acionado pela primeira vez na partida, fazendo uma excelente defesa e evitando o gol da Inter de Limeira.

O jogo seguiu com o time de Rogério Ceni criando, mas encontrando dificuldade na finalização. Já o Leão buscava passar pela defesa do Tricolor, mas tampouco com efetividade.

Apesar das chances, o placar permaneceu inalterado no primeiro tempo. O Tricolor começou atacando e partindo para cima do adversário. Sob pressão, o Leão ia tentando se defender da maneira que podia. Aos 9’, a melhor oportunidade de todo o jogo. Nikão cobrou escanteio e a bola ficou viva na área, sobrando para Calleri. O camisa 9 chutou cara a cara com gol, mas Matheus Galdezani se jogou e salvou a bola com os joelhos. Chance inacreditável perdida pelo Tricolor Paulista.

Após o lance, a Inter acordou para o jogo e passou a crescer, dando mais trabalho para a defesa são-paulina. Mas mesmo assim, Jandrei seguia sem muito trabalho.

O duelo seguiu morno até os 26 minutos, quando Reinaldo cobrou escanteio, a bola rebateu nos jogadores dentro da área e sobrou para o próprio lateral. Ele driblou o marcador e finalizou, mandando a bola na trave.

Aos 34 minutos mais uma vez a trave atrapalhou os planos do São Paulo. Após mais um escanteio cobrado por Reinaldo, Eder apareceu no primeiro pau e desviou. A bola foi direto no travessão.

O atacante ítalo-brasileiro ainda teve uma boa chance aos 43’, quando finalizou bem da entrada da área e obrigou Rafael Pin a fazer uma belíssima defesa.

Mesmo com as tentativas, os clubes não foram efetivos nas finalizações e a partida ficou no empate sem gols. 

FICHA TÉCNICA
São Paulo 0 x 0 Inter de Limeira
Local: Estádio do Morumbi - São Paulo
Data e hora: quinta-feira (17/2), às 21h30
Árbitro: Vinicius Gonçalves Dias Araújo
Assistentes: Alex Ang Ribeiro e Amanda Pinto Matias
Público e renda: 15.098 torcedores / R$ 428.341,00

Cartões amarelos: Tito (Inter de Limeira - 14’/2T), Rodolfo Filemon (Inter de Limeira - 31’/2T)

SÃO PAULO: Jandrei; Rafinha, Diego (Juan), Arboleda e Léo; Rodrigo Nestor (Alisson), Pablo Maia (Reinaldo) e Gabriel Sara; Marquinhos (Rigoni), Nikão (Eder) e Calleri. Técnico: Rogério Ceni

INTER DE LIMEIRA: Rafael Pin; Léo Duarte, Rodolfo Filemon, Xandão e Rafael Carioca; Jhony Douglas, Matheus Galdezani (Celsinho), Lima (Matheus Mancini) e Geovane (Tito); Diego Tavares (Pedro do Rio) e Ronaldo (Thiago Alagoano). Técnico: Vinicius Bergantin

Últimas