Campeonato Paulista Ponte Preta demite Gilson Kleina após derrota no dérbi

Ponte Preta demite Gilson Kleina após derrota no dérbi

Técnico não resistiu ao placar de 3 a 0 sofrido para o rival Guarani neste sábado e teve sua quinta passagem no clube interrompida

Quinta passagem do treinador pela Macaca se encerrou neste sábado (19)

Quinta passagem do treinador pela Macaca se encerrou neste sábado (19)

Diego Almeida/Pontepress

A Ponte Preta, através de seu presidente Marco Antonio Eberlin, anunciou a demissão do técnico Gilson Kleina após a derrota no dérbi 202 para o Guarani por 3 a 0, no Brinco de Ouro da Princesa, em jogo válido pela oitava rodada do Campeonato Paulista 2022.

“Peço desculpas à nação alvinegra pela partida que nossa equipe teve hoje. Fiquei muito triste como qualquer pontepretano. Quero dizer à torcida que Kleina não é mais o treinador da Ponte Preta”, disse Eberlin após o jogo.

Segundo o presidente, foi necessária uma resposta à torcida após a derrota, que o mesmo tratou como "vexatória".

"O momento é de grande reflexão e de busca de mudança. Não gosto de mudar, queria que fosse diferente. Demito hoje um grande treinador, que vestiu nossa camisa como nunca, mas diante dessa derrota vexatória preciso dar uma resposta à nação alvinegra", pontuou, afirmando que irá contratar um novo técnico nas próximas horas.

Gilson Kleina deixa o comando da Ponte Preta com sete pontos em oito rodadas do Paulistão, com duas vitórias, um empate e cinco derrotas, na penúltima posição do Grupo D e flertando com o rebaixamento.

O próximo compromisso da Macaca, por enquanto sem treinador, será contra o Cascavel, na terça-feira (22), às 21h30, pela Copa do Brasil, na casa do adversário.

Confira 7 curiosidades sobre o clássico paulista SanSão

Últimas