Campeonato Paulista Natan é afastado no Bragantino por 60 dias por problemas cardíacos

Natan é afastado no Bragantino por 60 dias por problemas cardíacos

Foram detectadas alterações no coração do zagueiro, que ficará fora preventivamente e realizará novos exames em breve

Zagueirofoi comprado definitivamente pelo RB Bragantino em janeiro

Zagueirofoi comprado definitivamente pelo RB Bragantino em janeiro

Ari Ferreira/RB Bragantino

O RB Bragantino anunciou no último domingo (20) o afastamento prévio de 60 dias do zagueiro Natan, em função de alteração dos exames cardíacos, identificados na última bateria de exames. 

Na avaliação realizada no início do ano, o atleta de 21 ano apresentou uma pequena alteração cardíaca que, segundo os médicos, é comum em atletas de alta performance. Naquele momento, Natan foi liberado, com a condição de fazer avaliações periódicas para o corpo médico acompanhar sua situação. Porém, na última terça-feira (15), foi detectada uma nova alteração nos exames, diferente da anterior.

"Essa alteração nos preocupou um pouco mais. Por isso, decidimos afastar o atleta para fazer toda a investigação nos próximos dias", afirmou o médico do clube, Thiago Miyasato.

A equipe de Bragança já havia identificado caso semelhante com o atacante Ytalo, que foi afastado provisoriamente, mas retornou aos treinos depois que os exames apresentaram resultados normais.

"São situações diferentes. Do ponto de vista cardiológico, não havia necessidade de vetar o Natan no primeiro momento. A reavaliação identificou uma alteração diferente da anterior, por isso, o afastamento", diz o especialista.

Recentemente, dois nomes consagrados do futebol tiveram episódios relacionados à problemas cardíacos. O meio-campista dinamarquês Christian Eriksen teve um mal súbito em campo, no jogo contra a Finlândia, pela Eurocopa 2020 e quase faleceu, sendo salvo ainda no gramado. Já o atacante argentino Kun Aguero anunciou sua aposentadoria dos gramados no ano passado, após detectar um problema no coração.

Neymar só fica atrás de Messi e CR7 entre os maiores salários do mundo

Últimas