Campeonato Paulista Duílio assume responsabilidade por eliminação no Paulistão

Duílio assume responsabilidade por eliminação no Paulistão

Presidente do Corinthians admitiu que errou ao manter o técnico Sylvinho após o fim da temporada passada

Presidente do Corinthians, Duílio Monteiro, em entrevista coletiva

Presidente do Corinthians, Duílio Monteiro, em entrevista coletiva

Rodrigo Coca / Agência Corinthians

No final da partida contra o São Paulo, na eliminação da semifinal do Campeonato Paulista, o presidente do Corinthians, Duílio Monteiro Alves, chamou a responsabilidade para si, admitindo erro em ter mantido o técnico Sylvinho após o fim da temporada passada e que a troca de comando durante o estadual comprometeu o resultado da equipe.

“A responsabilidade é minha de manter o Sylvinho em dezembro, eu deixo isso claro. Sabemos o caminho que estamos seguindo, com um grande treinador, uma grande equipe e campeonatos pela frente. Sabia que íamos sacrificar um pouco o Paulista fazendo a mudança”, declarou o mandatário.

Apesar da eliminação e de o Timão ter perdido os quatro clássicos no Paulistão, sendo três com o técnico Vítor Pereira, Duílio diz já ver evolução no time.

“Fizemos boas partidas com o Vítor, mudamos totalmente a forma de jogar, é um futebol mais intenso, mudou o dia a dia do trabalho. Era melhor se tivéssemos um mês, mas não é possível. Já vimos muitas diferenças”, afirmou o presidente.

Com a saída do estadual, o Corinthians terá nove dias de preparação para o próximo compromisso oficial na temporada.

No dia 5 de abril (terça-feira), o clube de Parque São Jorge estreia na Taça Libertadores, às 21h30, contra o Always Ready (Bolívia), na altitude de 3.637 metros acima do nível do mar da cidade de La Paz. No grupo, o Timão também enfrentará: Boca Juniors (Argentina) e Deportivo Cali (Colômbia).

Saiba quem tem mais jogos pelo Corinthians no atual elenco

Últimas