Futebol Brasil X Argentina será realizado em nova data e local, determina Fifa

Brasil X Argentina será realizado em nova data e local, determina Fifa

Em setembro de 2021, o 'clássico da Anvisa' foi interrompido após fiscais invadirem o campo. CBF e AFA foram multadas

  • Futebol | Do R7

Fifa determina partida entre Brasil e Argentina, suspensa após invasão da Anvisa

Fifa determina partida entre Brasil e Argentina, suspensa após invasão da Anvisa

Lucas Figueiredo/CBF

O Comitê Disciplinar da Fifa determinou nesta segunda-feira (14) que o jogo entre Brasil e Argentina, válido pelas Eliminatórias Sul-Americanas para Copa do mundo, terá que ser realizado outra vez, em nova data e local ainda a serem decididos pela entidade que comanda o futebol mundial. 

A partida em questão é aquela interrompida em 5 de setembro do ano passado devido a uma confusão que envolveu a entrada irregular de atletas argentinos em solo brasileiro. A situação culminou com agentes sanitários da Anvisa invadindo o campo e parando o jogo.

"Após uma investigação minuciosa dos vários elementos factuais e à luz dos regulamentos aplicáveis, o Comitê Disciplinar da Fifa decidiu que a partida deve ser repetida em data e local a serem decididos pela Fifa", afirma a entidade em comunicado em seu site oficial. 

A determinação da Fifa não muda em nada o cenário das Eliminatórias da América do Sul, uma vez que tanto Brasil quanto Argentina já estão garantidos na próxima Copa do Mundo. Porém, tanto a AFA quanto a CBF foram penalizadas pela confusão em campo.

A entidade brasileira foi multada em 550 mil francos suíços (R$ 3,1 milhões) por causa de falhas na organização do jogo e invasão de campo. Por outro lado, a federação argentina terá que pagar multa de 250 mil francos (R$ 1,4 milhão) porque seus jogadores burlaram as regras sanitárias brasileiras.

Por fim, os atletas argentinos Emiliano Buendía, Emiliano Martínez, Giovani Lo Celso e Cristian Romero, protagonistas de toda a polêmica, receberam suspensão de dois jogos, que terão que ser cumpridos na próxima Data Fifa. 

Relembre o caso

O jogo foi interrompido logo aos quatro minutos iniciais. Em um primeiro momento, os agentes de saúde discutiram com o delegado da partida, mas na sequência entraram no gramado e tentaram retirar os atletas Giovani Lo Celso, Emiliano Martínez, Cristian Romero e Emiliano Buendía.

Por causa do ocorrido, os jogadores argentinos se retiraram de campo e voltaram ao vestiário. A CBF e a Conmebol chegaram a costurar um acordo com o governo brasileiro para liberar os atletas para o duelo contra o Brasil. No entanto, a decisão não passou pela Anvisa, que deciciu pela interrupção da partida para retirar o quarteto que descumpriu os protocolos contra a Covid-19.

Veja como o mundo repercutiu o cancelamento de Brasil x Argentina]

Últimas