Futebol Árbitro agredido passará por cirurgia e ficará 90 dias afastado

Árbitro agredido passará por cirurgia e ficará 90 dias afastado

Rodrigo Crivellaro, que levou um chute na cabeça em jogo da 2ª divisão do Gauchão, deve ser operado na semana que vem

Agência Estado - Esportes
Árbitro agredido com chute na cabeça terá que passar por cirurgia

Árbitro agredido com chute na cabeça terá que passar por cirurgia

EC Vitória

O árbitro Rodrigo Crivellaro Dias da Costa, agredido em uma partida da Divisão de Acesso do Campeonato Gaúcho entre Guarani e São Paulo, em Venâncio Aires (RS), na última segunda-feira (4), vai precisar de uma cirurgia. Ele também ficará pelo menos três meses afastado do trabalho.

De acordo com o próprio árbitro, ele realizou uma série de exames em Santa Maria (RS), cidade onde mora, para saber a extensão das lesões. A cirurgia estava definida para esta quinta-feira (7), mas agora a equipe aguardará uma semana para saber se o procedimento será mesmo necessário.

Crivellaro teve uma lesão ligamentar na vértebra C6. Assim, terá de utilizar colete cervical e fazer exames de raio-X semanalmente. Em razão dos movimentos, pode haver deslocamento da vértebra e, com isso, a necessidade de cirurgia. O procedimento, no entanto, é simples.

O árbitro foi agredido com um chute na cabeça pelo jogador William Ribeiro, do São Paulo-RS, de Rio Grande, no confronto do time contra o Guarani, na última segunda-feira (4). Ele ficou desacordado e precisou ser encaminhado ao hospital, de onde teve alta no dia seguinte.

Já o atleta William Ribeiro foi preso em flagrante pela Brigada Militar e encaminhado a um presídio, onde passou a noite e só foi liberado no dia seguinte. Ele vai responder em liberdade e pode ser indiciado por tentativa de homicídio. O São Paulo-RS rescindiu o contrato com o jogador.

Magia do futebol brasileiro: Vini Jr e Neymar lideram lista de dribladores

Últimas