Futebol Após derrota, jogadores do Liverpool sofrem ataques racistas

Após derrota, jogadores do Liverpool sofrem ataques racistas

Naby Keita, Sadio Mané e Trent Alexander-Arnold foram os principais alvos após duelo contra o Real Madrid na Champions 

Lance
Jogadores do Liverpool foram alvos de insultos racistas nas redes sociais

Jogadores do Liverpool foram alvos de insultos racistas nas redes sociais

Lance

Mais um dia lamentável para o futebol e para a sociedade. Após a derrota do Liverpool para o Real Madrid por 3 a 1 na Champions League, Keita, Mané e Alexander-Arnold foram alvos de insultos racistas em seus perfis particulares nas redes sociais.

Diversos perfis invadiram as postagens mais recentes dos três jogadores dos Reds e emojis com macacos e bananas apareceram com frequência nos comentários. O atacante senegalês foi chamado de gorila e macaco. Segundo a imprensa inglesa, o Facebook, dono do Instagram, está investigando o caso.

Em nota, o Liverpool lamentou estar discutindo novamente os "abomináveis abusos raciais" após um jogo de futebol. O clube também disse que irá trabalhar para investigar e punir os responsáveis, além de se colocar a disposição para ajudar os atletas.

"Mais uma vez, estamos discutindo com tristeza o abominável abuso racial na manhã seguinte a um jogo de futebol. É totalmente inaceitável e tem que parar. O Liverpool condena todas as formas de discriminação e continuamos a trabalhar com nossos parceiros de inclusão por meio de nossa iniciativa Red Together para fazer campanha contra ela", disse o clube.

Vini Jr marca dois e Real faz 3 a 1 no Liverpool; City vence o Dortmund

Últimas