Fortaleza bate Goiás com dois de Yuri César e desencanta no Brasileirão

Com dois gols de Yuri César e um de Wellington Paulista, o Fortaleza desencantou no Campeonato Brasileiro ao derrotar o Goiás pelo placar de 3 a 1, em partida realizada na noite desta quarta-feira, no estádio da Serrinha, pela quarta rodada.

Com o resultado, o Fortaleza conquistou seu quarto ponto, subindo para o meio da tabela de classificação. Já o Goiás é o lanterna, com um. O time esmeraldino ainda tem o duelo diante do São Paulo a fazer. O jogo foi adiado devido ao surto de coronavírus que abateu o time nas rodadas iniciais.

Para o jogo contra o Fortaleza, inclusive, o Goiás contou com oito jogadores que se recuperaram da doença. Lucão do Break, com lesão muscular, e Rafael Moura, foram os únicos vetados. O centroavante não atuou pois fez uso de um medicamento com corticoide, proibido pela legislação antidoping.

Sem vencer até então no Brasileirão, o Fortaleza precisou tomar a iniciativa do duelo e não demorou para pressionar o Goiás. E o time de Rogério Ceni aproveitou a sua primeira oportunidade. Aos sete minutos, Osvaldo avançou pela esquerda e cruzou na medida para Wellington Paulista, que mandou para o fundo das redes. A bola ainda bateu em Tadeu antes de parar no fundo do gol.

Após o gol, o Fortaleza ficou com a posse de bola, mas foi o Goiás quem começou a criar. Em jogada pela esquerda de Victor Andrade, Douglas Baggio não conseguiu desviar para o gol. Antes do apito final, Sandro chegou a marcar, mas o árbitro pegou impedimento do volante e anulou o lance.

O Fortaleza voltou melhor para o segundo tempo e fez 2 a 0 aos 13 minutos. Yuri César pegou o rebote de fora da área e mandou sem chance para Tadeu. O gol foi uma verdadeiro baque para o Goiás, que deixou o time cearense mandar na partida. O terceiro só não veio dos pés de Wellington Paulista, porque a bola bateu na trave.

E a noite era de Yuri César. O atacante, que entrou e logo marcou, fez o seu segundo aos 23 minutos. Ele recebeu passe rasteiro dentro da área e só empurrou para as redes. O Goiás respondeu com Jefferson. Em uma tentativa de longa distância, o lateral contou com um desvio na defesa adversária para diminuir.

Em vantagem, o Fortaleza foi administrando o resultado e sofreu certa pressão do Goiás no final. Mas na melhor chance do time esmeraldino, Zeca aproveitou rebote de Felipe Alves, após cobrança de falta de Rafael Vaz, e mandou na trave.

Na próxima rodada, o Athletico enfrenta o Fluminense no sábado, às 16 horas, na Arena da Baixada, em Curitiba. No domingo, às 16h, o Palmeiras faz o clássico contra o Santos no Morumbi.

FICHA TÉCNICA

GOIÁS 1 X 3 FORTALEZA

GOIÁS - Tadeu; Juan Pintado (Zeca), Fábio Sanches, Rafael Vaz e Heron (Jefferson); Sandro (Breno), Luiz Gustavo e Daniel Bessa; Keko (Mike), Douglas Baggio e Victor Andrade (Ratinho). Técnico: Ney Franco.

FORTALEZA - Felipe Alves; Tinga, Quintero (Paulão), Jackson e Bruno Melo; Juninho, Felipe (Ronald) e Romarinho (Gabriel Dias); David (Yuri Cesar), Wellington Paulista e Osvaldo (Fragapane). Técnico: Rogério Ceni.

GOLS - Wellington Paulista, aos sete minutos do primeiro tempo. Yuri César, aos 12, e aos 23, Jefferson, aos 34 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Dyorgines Jose Padovani de Andrade (ES).

CARTÕES AMARELOS - Luiz Gustavo, Rafael Vaz, Sandro e Zeca (Goiás); Bruno Melo e Quintero (Fortaleza).

LOCAL - Estádio da Serrinha, em Goiânia (GO).