Fora de Jogo Justiça manda Corinthians pagar R$ 19,6 mi à Prefeitura de São Paulo

Justiça manda Corinthians pagar R$ 19,6 mi à Prefeitura de São Paulo

Timão perdeu ação por uso indevido da rua Parque São Jorge como estacionamento; ainda cabe recurso do departamento jurídico do clube

  • Fora de Jogo | Do R7

Sede do Corinthians na Rua Parque São Jorge, no Tatuapé

Sede do Corinthians na Rua Parque São Jorge, no Tatuapé

Divulgação

A Justiça determinou que o Corinthians pague a Prefeitura de São Paulo R$ 19,6 milhões por uso indevido da Rua São Jorge, onde fica a sede social do clube. A via pública foi usada por décadas como estacionamento e o time cobrava pelo uso. A decisão em primeira estância saiu no Diário da Justiça de São Paulo desta quinta-feira (25). 

A juíza Luiza Barros Rozas Verotti determiou que o o Timão também arque com os custos dos advogados da Prefeitura, que são de 10% do valor da causa. Com isso, o valor total é de  R$ 21,5 milhões.

O Departamento Jurídico do Corinthians ainda pode recorrer da decisão. O processo foi aberto pela Prefeitura em 2010, contestando uma outorga de 1996 que cedia o espaço ao clube gratuitamente por 99 anos. O governo do prefeito Gilberto Kassab alegou falta de interesse público e entrou com pedido de reintegração de posse. 

Curta a página do R7 Esportes no Facebook.

Últimas