Esportes Ferroviária bate River e se junta ao Corinthians na semi da Libertadores Feminina

Ferroviária bate River e se junta ao Corinthians na semi da Libertadores Feminina

A Ferroviária se juntou ao Corinthians e se classificou nesta segunda-feira às semifinais da Copa Libertadores Feminina, que está sendo realizada na Argentina. Com um gol de Ana Alice no fim do primeiro tempo, superou o River Plate por 1 a 0, em Morón, pelas quartas de final.

O triunfo confirma a recuperação da Ferroviária no torneio após um início ruim. Campeã brasileira em 2019, a equipe foi goleada na estreia, por 4 a 0, pelo Libertad Limpeño. E depois empatou com o Peñarol por 1 a 1, numa partida em que chegou a desperdiçar um pênalti. Mas, na rodada final do Grupo D, conseguiu uma improvável classificação às quartas de final ao golear a Universidad de Chile, por 4 a 1.

Nesta segunda, então, encarou o River Plate, o primeiro colocado do Grupo C, com sete pontos. E em uma partida de nível técnico fraco, definiu a sua vitória aos 44 minutos da etapa inicial. Foi quando Sochor cobrou falta buscando a segunda trave, onde encontrou Ana Alice, que mandou para as redes.

O gol também consolidou Ana Alice como principal destaque da Ferroviária na Libertadores. A zagueira, de 32 anos, chegou ao clube de Araraquara após disputar o último Brasileiro pelo Grêmio e marcou pela terceira vez nesta Libertadores, sendo responsável pela metade dos gols da equipe no torneio. E os outros dois gols haviam saído diante da Universidad de Chile.

Ana Alice, inclusive, tinha iniciado a Libertadores como reserva, tendo recebido sua primeira chance como titular com a técnica Lindsay Camila após a equipe ser goleada na estreia, sendo escalada contra o River Plate. Agota, então, foi decisiva para colocar a Ferroviária nas semifinais.

Em busca da vaga na decisão, a equipe paulista vai reencontrar a Universidad de Chile, que nesta segunda-feira fez 3 a 1 no Santa Fe, da Colômbia. A partida está marcada para quinta, novamente em Morón.

Um dia antes, será a vez de o favorito Corinthians buscar sua vaga na decisão. Com 4 vitórias, 100% de aproveitamento e 34 gols marcados, vai encarar o América de Cali, a quem também venceu na fase de grupos, por 3 a 0.

A disputa do terceiro lugar e a final estão marcadas para o domingo, no José Amalfitani, a casa do Vélez Sarsfield em Buenos Aires. Caso avancem, Corinthians e Ferroviária vão reeditar a decisão da Libertadores de 2019, vencida pela equipe paulistana, que também se deu melhor na final do Estadual de 2020, mas perdeu a do Brasileiro há dois anos.

Últimas