Em 'volta para casa' de Luan, Corinthians pega Mirassol em busca de novo triunfo

Depois da goleada sobre o Botafogo de Ribeirão Preto na estreia, o Corinthians volta a campo neste domingo, às 19 horas, pelo Campeonato Paulista para enfrentar o Mirassol, fora de casa, pela segunda rodada do torneio. A partida será especial para o meia Luan, que poderá retornar para perto da sua cidade natal, Rio Preto, que fica a 14 quilômetros de distância do local da partida, a 440 quilômetros de São Paulo.

"Foi onde comecei, em Rio Preto, na minha cidade. E jogar ali do lado para mim é especial, ainda mais representando o Corinthians, ali naquela região tenho muitos amigos, a maioria corintianos. A gente sempre acompanhava os jogos e representar o Corinthians perto da família e dos amigos terá um gosto especial", comentou.

O técnico Tiago Nunes não confirmou ainda se repetirá a escalação do primeiro jogo, pois aguarda a recuperação física dos jogadores. Certo é que ele não poderá contar mais uma vez com o volante colombiano Cantillo, que ainda não está inscrito no torneio. Já Luan pediu para jogar.

"A gente está trabalhando bem e treinando forte para suportar essa sequência de jogos, estou 100%, quero jogar todas as partidas possíveis, ajudar de alguma forma, ainda mais jogar perto de casa, isso se torna um pouco especial, minha família a meus amigos todos vão, sempre quis jogar pertinho deles. Acho que metade da torcida vai ser meus amigos e minha família", comentou.

Na vitória sobre o Botafogo, Luan marcou um gol de pênalti e Boselli fez os outros três. O meio-campista comentou sobre a definição do batedor oficial. Isso porque na Florida Cup o centroavante argentino desperdiçou uma cobrança contra o Atlético Nacional e na estreia do Paulista houve a mudança no cobrador. "No pênalti, Tiago tinha definido antes que eu era a primeira opção, Boselli é sensacional, não tem vaidade, na Florida pegou e bateu, demos confiança, ontem depois de marcar o gol já estava definido que eu bateria o pênalti", disse.

No Mirassol, o técnico Ricardo Catalá deverá ter dois importantes reforços. Os meias Chico e Camilo foram regularizados no BID da CBF e já podem estrear. Chico, aos 28 anos, estava no Ceará. Camilo, enquanto isso, coleciona passagens mais recentes por Botafogo, Internacional e Chapecoense. Ele tem 33 anos e foi a principal contratação do clube para o Paulistão. O jogador, que teve passagem pelo time paulista em 2013, foi recebido por dezenas de torcedores no aeroporto.

Mas Ricardo Catalá não quis confirmar as presenças de seus dois principais reforços. "Não decidi quem vai sair jogando. Eles estarão à disposição. São jogadores importantes". Mas o técnico reforçou o trabalho nos últimos dias. "Esta semana, foquei mais na recuperação dos jogadores, quem vai ter condição fisiológica de participar da partida em nível máximo. Foquei nisso em contrapartida a organização tática".

Em relação ao adversário, o técnico mostrou consciência das dificuldades e de suas responsabilidades. "Não me preocupa (enfrentar o Corinthians de Tiago Nunes). A gente respeita todas as equipes, respeitamos a história do Corinthians. Tiago Nunes é um grande amigo, competente. Tanto nós, como o Corinthians tentará ser protagonista, ter o controle do jogo. Quem conseguir fazer isso pode levar vantagem".

Outra boa notícia para o clube que estreou com empate, por 1 a 1, diante da Ferroviária, em Araraquara, será a casa cheia. Todos os ingressos foram vendidos.