Esportes Em sua estreia no Flamengo, Ceni tenta acabar com tabu de não vencer o São Paulo

Em sua estreia no Flamengo, Ceni tenta acabar com tabu de não vencer o São Paulo

O São Paulo reencontra o técnico Rogério Ceni nesta quarta-feira, na estreia do treinador no comando do Flamengo. O jogo válido pela primeira partida das quartas de final da Copa do Brasil é a oportunidade do ex-goleiro iniciar a sua trajetória no clube carioca com um resultado positivo, mas também de encerrar um tabu. Ele nunca derrotou o time paulista, onde fez história como jogador.

No total foram cinco confrontos, sendo três vitórias do São Paulo e dois empates. Todos os confrontos foram com o treinador no comando do Fortaleza, seu último clube. Ceni reencontrou o seu ex-clube recentemente. Ele foi eliminado da Copa do Brasil com o Fortaleza, nas oitavas de final, justamente pela equipe paulista.

Ambos estiveram frente à frente pela primeira vez em maio de 2019. Ceni não precisou sair de sua nova casa. O São Paulo foi até ele. A expectativa era alta, já que o treinador havia sido campeão da Série B do Campeonato Brasileiro e dava sequência a um bom trabalho. Não perdia, em casa, havia 12 partidas. Contudo, o resultado não veio e a série de vitórias foi quebrada. Hernanes marcou para a equipe paulista, que venceu a sua cria pela primeira vez por 1 a 0.

O mesmo duelo se repetiria cinco meses mais tarde. Desta vez, o jogo ocorreu no Pacaembu, já que o Morumbi recebia o show da banda Iron Maiden. A torcida lotou o estádio e mais uma vez viu o São Paulo sair vitorioso. Placar final: 2 a 1.

"Sou muito grato de estar ainda trabalhando com o futebol após quatro anos da minha saída do São Paulo. Confesso a você que hoje queria sair daqui com melhor sorte para o Fortaleza, mas fora do campo é algo extremamente gratificante, mostra o reconhecimento da dedicação que você teve durante toda a carreira. Depois que apita o início do jogo, logicamente o torcedor quer o resultado para ele, e nós queremos o resultado para o time que trabalhamos", disse Ceni sobre o carinho e respeito da torcida do São Paulo.

O terceiro encontro aconteceu há cerca de dois meses. Pela segunda rodada do Brasileirão, Ceni teve a oportunidade de comandar pela primeira vez no Morumbi como adversário. Sem torcedores em razão da pandemia do novo coronavírus, pelo menos não teve de encarar a torcida são-paulina como rival. Em um duelo equilibrado, mais uma vez o time tricolor levou a melhor e venceu por 1 a 0.

O quarto e o quinto encontro foram recentemente, pelas oitavas de final da Copa do Brasil. O primeiro jogo, no dia 14 de outubro, foi disputado em Fortaleza e acabou cheio de emoção. Com um gol nos minutos finais, o São Paulo arrancou o empate por 3 a 3. No dia 25, novo encontro, desta vez no Morumbi, e aconteceu o inverso. O time de Ceni foi quem conseguiu o gol no finalzinho e o placar de 2 a 2 levou a decisão para os pênaltis. Nas penalidades, a equipe paulista levou a melhor e venceu por 10 a 9.

Últimas