Esportes Diante da Ponte, Botafogo tem outra decisão em Campinas pela Série B

Diante da Ponte, Botafogo tem outra decisão em Campinas pela Série B

Apesar de ser apenas uma das duas partidas que irá fechar as disputas da 35ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B na noite desta quinta-feira, Ponte Preta e Botafogo-RJ se enfrentam no estádio Moisés Lucarelli, em Campinas, às 19h, em uma verdadeira decisão para ambos os lados. Afinal, o duelo pode decidir o acesso para o time carioca e a manutenção dos campineiros na segunda divisão em 2022.

Embalado por seis jogos sem derrota e vindo de duas vitórias seguidas, a última no clássico contra o Vasco, por 4 a 0, em pleno São Januário, o Botafogo soma 62 pontos. Além de estar focado em manter a liderança, o time carioca tem a chance de chegar ao acesso, mas precisa de uma combinação de resultados.

Do outro lado, a Ponte Preta quer acabar com qualquer chance de rebaixamento e para isso precisa de apenas de um resultado positivo. O time campineiro chega embalado para esse duelo afinal vem de quatro jogos sem derrota e venceu sua primeira partida após o retorno da torcida, contra o CRB, por 1 a 0, no último final de semana. Agora quer dar outro presente para os fãs que estiverem presentes no Moisés Lucarelli, o Majestoso.

Atualmente, o time campineiro está com 42 pontos, um pouco acima dos times dentro da zona de rebaixamento.

Já em solo paulista, o Botafogo finalizou a sua preparação com um treino na tarde desta quarta-feira. O técnico Ederson Moreira tem uma baixa confirmada, afinal o meia Chay que não joga desde o confronto com o Goiás, segue entregue ao departamento médico em recuperação de lesão no tornozelo e foi vetado.

Por outro lado, o time carioca terá o retorno do volante Barreto, que cumpriu suspensão contra o Vasco e ficará à disposição. Ele deve retornar no lugar de Luís Oyama, que apesar de ter sido um dos destaques do clássico, deve voltar ao banco de reservas.

De qualquer forma, o comandante disse que espera um grande jogo. "Será uma decisão para ambos os lados. Temos que respeitar a Ponte Preta que vem em um bom momento e irá atuar com a força de sua torcida, mas vamos em busca dos nossos três pontos para ficarmos mais perto do acesso. Mas, temos que manter os pés no chão, afinal caso não conseguimos chegar a esse objetivo nesta rodada, ainda terão mais duas pela frente", disse.

O técnico Gilson Kleina será obrigado a fazer duas mudanças na Ponte Preta, apenas do bom momento. Isso porque, o zagueiro Rayan e o volante Léo Naldi seguem em tratamento de lesões no tornozelo e dificilmente devem atuar. O meio-campista, que fez o gol da vitória da última rodada, teve que ser substituído ainda no intervalo por conta do incômodo.

Com isso, Ednei deve ser o escolhido para fazer dupla de zaga com Fábio Sanches. Thiago Lopes também está no páreo, mas corre por fora. Já no meio-campo, Marcos Júnior que foi preservado contra o CRB por conta do desgaste físico deve voltar a ser titular. Além disso, seguem como baixas junto ao departamento médico: o lateral-direito Kevin, com um desconforto muscular e o atacante Richard, com um problema no tornozelo.

No outro jogo da noite, que também será disputado às 19h, Sampaio Corrêa e Vila Nova se enfrentam no Castelão, em São Luís (MA), em um duelo pelo meio da tabela. Depois de se reabilitar em cima do rebaixado Brasil de Pelotas, o time maranhense soma 43 pontos. Já o rival vem logo à frente com 44 pontos, mas não sabe o que é perder há nove jogos.

Últimas