Esportes Craque da Copa América, Messi celebra 'tirar um peso das costas' com a Argentina

Craque da Copa América, Messi celebra 'tirar um peso das costas' com a Argentina

Lionel Messi foi eleito o craque da Copa América. Artilheiro, com quatro gols, o astro argentino não escondeu toda sua alegria pela primeira conquista com a seleção. Foi atirado para o alto pelos companheiros ainda no campo, gritou, pulou, e respirou aliviado por "tirar um peso das costas". Em 16 anos defendendo seu país, o craque do Barcelona jamais havia sido campeão com o esquadrão nacional. O martírio chegou ao fim neste sábado, no Maracanã.

"Precisava tirar esse peso das costas. Tinha de conquistar algo com a seleção, estive muitos anos perto e sabia que em algum momento ia dar certo, ia acontecer. Agradeço a Deus por me dar este momento, no Brasil, no Brasil", vibrou, repetindo o local da consagração máxima. "Acho que Deus estava guardando este momento para mim."

A festa de La Pulga começou ainda no gramado do Maracanã. Primeiro com os companheiros. Depois, com a família. Messi fez uma chamada de vídeo com a mulher, Antonella, e os filhos, para festejar a primeira conquista com a seleção da Argentina. Estava eufórico e vibrando muito, exibindo a tão cobiçada medalha.

Nos vestiários, posou com os "veteranos" da seleção para exibir o troféu e não parava de falar do orgulho pela primeira conquista. Tudo, claro, foi parar em suas redes sociais.

"Agora estamos muito felizes, a festejar, e será um jogo que ficará para a história, por termos vencido a final contra Brasil e no seu país", afirmou, todo sorridente e sentindo o gostinho de uma conquista nacional há tempos buscada.

Depois de sair tantas vezes do gramado cabisbaixo, como na final da Copa do Mundo de 2014, com derrota para a Alemanha na final no mesmo Maracanã, ele enfim pôde soltar o grito de campeão.

"A felicidade que sinto é louca, inexplicável, muitas vezes tive de sair triste. Sabia que uma vez isso ia acontecer comigo, não haveria momento melhor. Esse grupo realmente merecia, é algo impressionante, muito feliz."

Últimas