Esportes Com viradas, Hawks vencem 76ers e ficam perto da final do Leste na NBA

Com viradas, Hawks vencem 76ers e ficam perto da final do Leste na NBA

A noite desta quarta-feira foi de viradas para o Atlanta Hawks. Com uma recuperação incrível no placar, a equipe não se abateu diante dos 26 pontos de vantagem do Philadelphia 76ers, venceu por 109 a 106, fora de casa, e ainda causou uma reviravolta na série que vale vaga na final da Conferência Leste nos playoffs da NBA.

A vitória deixou o time de Atlanta na liderança do confronto, por 3 a 2. Os Hawks chegaram a estar perdendo por 2 a 1 na série, mas venceram os dois últimos jogos e viraram o duelo. Agora já podem selar a vaga na final nesta sexta-feira, se conquistarem mais uma vitória. A partida será disputada em Atlanta.

Os visitantes começaram mal a partida, levando 38 a 24 dos anfitriões no primeiro quarto. No segundo, os 76ers aumentaram a vantagem e tudo indicava uma vitória tranquila da equipe da casa. Até que o Atlanta iniciou sua reação no fim do terceiro quarto. E fechou o período final por 40 a 19. Os Hawks assumiram a liderança no placar pela primeira vez apenas quando faltavam menos de dois minutos para o fim do jogo.

Trae Young foi o cestinha do jogo, com 39 pontos. Mas contou com a ajuda de John Collins e seus 19 pontos e 11 rebotes e com amplo apoio do banco de reservas. Em 30 minutos de jogo, Danilo Gallinari contribuiu com 16 pontos e 8 rebotes. Lou Williams, com 22 minutos em quadra, anotou 15 pontos.

Do lado do Sixers, que caiu fortemente de rendimento no segundo tempo, praticamente só quem jogou foi Joel Embiid, responsável por um "double-double" de 37 pontos e 13 rebotes, e Seth Curry, com 36 pontos. Os demais jogadores sequer chegaram aos dois dígitos em pontuação.

VITÓRIA DOS CLIPPERS - Em Salt Lake City, o Los Angeles Clippers não se intimidou diante da torcida da casa e nem pela ausência de Kawhi Leonard, machucado, e derrotou o Utah Jazz por 119 a 111, no jogo 5 do confronto. Com o resultado, os visitantes viraram a série para 3 a 2, após perderem os dois primeiros jogos. A vaga na final da Conferência Oeste já poderá ser sacramentada na noite de sexta-feira, em Los Angeles.

Se não tinha Kawhi Leonard, os Clippers puderam contar com Paul George, autor de um "double-double" de 37 pontos e 16 rebotes - anotou ainda 5 assistências. Marcus Morris contribuiu com 25 pontos e Reggie Jackson, com 21.

Do outro lado, o destaque foi Bojan Bogdanovic, autor de 32 pontos. Donovan Mitchell anotou 21 pontos e cinco rebotes, Rudy Gobert contribuiu com um "double-double" de 17 pontos e 10 rebotes. E Jordan Clarkson marcou 15 pontos. Apesar da boa atuação coletiva, o Utah Jazz não foi páreo para os Clippers e agora correm o risco de ser eliminado na sexta.

Últimas