Esportes COI crê que 75% da Vila Olímpica estarão vacinados antes dos Jogos de Tóquio-2020

COI crê que 75% da Vila Olímpica estarão vacinados antes dos Jogos de Tóquio-2020

O presidente do Comitê Olímpico Internacional (COI), o alemão Thomas Bach, assegurou nesta quarta-feira que pelo menos 75% das pessoas que ficarão na Vila Olímpica dos Jogos de Tóquio-2020, adiados em um ano por causa da pandemia do novo coronavírus, estará vacinado contra a covid-19 ou planeja fazer isso antes do início do evento esportivo no Japão.

"Temos motivos para acreditar que essa percentagem vai subir além de 80%", acrescentou o presidente do COI, durante uma reunião online com o Comitê Organizador dos Jogos Olímpicos de Tóquio-2020, que serão disputar entre 23 de julho e 8 de agosto.

Segundo Thomas Bach, o COI está pronto para fornecer pessoal médico adicional para os Jogos Olímpicos, já que muitos japoneses temem que o evento esportivo coloque mais pressão sobre o sistema de saúde do país.

Os organizadores reagiram positivamente à oferta de pessoal médico adicional feita pelo COI e a presidente do Comitê Organizador dos Jogos de Tóquio-2020, Seiko Hashimoto, já afirmou que a vacinação dos participantes do evento "seria uma grande ajuda para garantir a segurança dos Jogos".

A pouco mais de dois meses da cerimônia de abertura, Tóquio e outras cidades japonesas continuam em estado de emergência sanitária - até o próximo dia 31, pelo menos - e a maioria dos residentes quer que o evento seja novamente adiado ou cancelado definitivamente.

O Japão está passando por uma nova onda de infecções pelo novo coronavírus e as autoridades estão sendo fortemente criticadas pela lentidão da campanha nacional de vacinação. "Precisamos nos concentrar em tornar estes Jogos Olímpicos seguros e protegidos porque a cerimônia de abertura está a apenas 65 dias de distância", completou Thomas Bach.

Últimas