Esportes Australiano se torna o jogador mais jovem a registrar um 'triple-double' na NBA

Australiano se torna o jogador mais jovem a registrar um 'triple-double' na NBA

Em sua primeira temporada na NBA, Josh Giddey, do Oklahoma City Thunder, escreveu seu nome na história da liga. O australiano se tornou o mais jovem a registrar um "triple-double", quando um jogador alcança dígitos duplos em três das cinco principais estatísticas do basquete.

Giddey conseguiu 17 pontos, 14 assistências e 13 rebotes na derrota do Thunder para o Dallas Mavericks. A façanha foi alcançada com 19 anos e 84 dias, ultrapassando LaMelo Ball, do Charlotte Hornets, que fez um triplo-duplo aos 19 anos e 140 dias.

"As estatísticas individuais são legais, mas uma vitória é sempre melhor para mim", afirmou Giddey, após o recorde. "Se eu terminasse zero-zero-zero e com uma vitória estaria muito mais feliz do que com o triplo-duplo e uma derrota", acrescentou.

Os recordes não são uma novidade para Giddey. Atuando pelo Adelaide 36ers, em 26 de abril de 2021, contra o New Zealand Breakers, ele se tornou o mais jovem australiano na história da NBL (National Basketball League) a registrar um "triple-double" (12 pontos, 10 rebotes e 10 assistências).

Além disso, poucos dias depois, em 1.º de maio, contra o Brisbane Bullets, Giddey se tornou também o primeiro australiano a registrar um "triple-double" em jogos consecutivos, terminando com 15 pontos, 13 assistências e 11 rebotes.

Na NBA, além da marca registrada contra o Dallas Mavericks, o australiano já havia repetido o feito de LaMelo Ball e LeBron James, com 100 rebotes e 100 assistências nos primeiros 20 jogos na liga. Outra façanha aconteceu em 26 de dezembro, quando ele se tornou apenas o segundo jogador na história da NBA, depois de Norm Van Lier, que atuou na década de 1970, a registrar um "double-double" (dois dígitos em dois fundamentos) sem anotar pontos, com 10 assistências e 10 rebotes.

"O crescimento vem com experiência e aprendizado. Fiz um progresso mais mental do físico. Estou aprendendo todos os jogos e fico feliz onde estou", afirmou Giddey, que foi bastante elogiado pelo desempenho contra o Dallas Mavericks.

"Estou orgulhoso. Ele trabalha duro, passamos muito tempo juntos e ele absorve tudo o que você passa. É muito inteligente por ser um jovem jogador. Ele tem muito espaço para crescer e se desenvolver", afirmou Mike Wilks, assistente do Thunder, que comandou o time na ausência de Mark Daigneault, que entrou no protocolo de saúde e segurança da NBA por causa da covid-19.

"Ele não se concentrou nos números. Estava focado em fazer jogadas, em vencer com o time, estava sendo agressivo, sendo Josh, e os números são apenas o resultado disso", finalizou Mike Wilks.

Últimas