Esportes Após tropeços, seleção de basquete dos EUA reage e atropela Argentina em amistoso

Após tropeços, seleção de basquete dos EUA reage e atropela Argentina em amistoso

A seleção de basquete masculino dos Estados Unidos se recuperou após as surpreendentes derrotas para Nigéria e para Austrália, em dois amistosos preparatórios para os Jogos Olímpicos de Tóquio-2020, e derrotou a Argentina por 108 a 80 em mais um jogo amistoso, disputado na noite de terça-feira, no ginásio Mandalay Bay Events Center, em Las Vegas.

O quinteto inicial americano contou com grandes nomes como Damian Lillard, Bradley Beal, Zach LaVine, Kevin Durant e Bam Adebayo. Todos eles superaram a marca de dois dígitos na partida, com destaque para a dupla Durant e Beal, que terminou o duelo com números iguais: 17 pontos, seis rebotes e três assistências.

Logo atrás da dupla apareceu Zach LaVine com 15 pontos, cinco rebotes e três assistências. Já Damian Lillard contribuiu com 13 pontos, três rebotes e quatro assistências, enquanto que Bam Adebayo marcou 12 pontos.

Figura bastante conhecida na NBA, o veterano Luis Scola, de 41 anos, foi o grande destaque da Argentina no jogo ao anotar 16 pontos, com cinco rebotes e duas assistências. Outros nomes que brilharam pelo lado argentino foram Nicolás Laprovittola - com 13 pontos, três rebotes e três assistências - e Gabriel Deck, com 10 pontos e dois rebotes.

Titular do Denver Nuggets nos playoffs, após a lesão do armador titular Jamal Murray, Facundo Campazzo fez um jogo discreto, mas cresceu na reta final para terminar com 12 pontos, dois rebotes e duas assistências.

Após a vitória sobre os argentinos, a seleção dos Estados Unidos volta a encarar a Austrália, nesta sexta-feira, e em seguida enfrenta a Espanha, no domingo, em sua último amistoso antes da estreia nos Jogos Olímpicos, que será no próximo dia 25 contra a França.

Últimas