Esportes Após marcar gol, Thiago Maia valoriza ‘briga sadia’ no meio-campo do Flamengo

Após marcar gol, Thiago Maia valoriza ‘briga sadia’ no meio-campo do Flamengo

Após grave lesão no joelho esquerdo, que o tirou dos gramados por quase sete meses, o volante Thiago Maia valorizou a briga pela titularidade do Flamengo após a vitória sobre o Cuiabá, por 2 a 0, nesta noite na Arena Pantanal, pela oitava rodada do Campeonato Brasileiro.

Thiago Maia ainda não está 100% fisicamente, mas tem sido frequentemente utilizado por Rogério Ceni. Nesta noite, por exemplo, entrou no lugar de João Gomes aos 11 minutos do segundo tempo e aos 46 fez o segundo gol do Flamengo, dando números finais ao confronto.

O volante sabe que ainda está atrás na briga para ocupar a vaga deixada por Gerson, mas destacou que essa competitividade é sadia e só quem ganha é o Flamengo. "Eu vim para somar. Estou voltando aos poucos. O João Gomes, Diego e Hugo (Moura) são os caras que estão dando conta do recado. É uma briga sadia. Uma briga boa", disse o jogador na saída do gramado.

Thiago Maia ainda falou sobre os meses em que ficou afastado dos gramados, mas sempre amparado por familiares, amigos e companheiros de clube. "Não é fácil ficar sete meses fora. Mas eu tive o apoio da minha família e dos meus amigos para dar a volta por cima. Diretoria e jogadores também me apoiaram muito. A recuperação era de oito a dez meses e eu consegui voltar com quase sete", completou.

Com esta vitória no Mato Grosso, o Flamengo se reabilitou da derrota para o Juventude, por 1 a 0, e assumiu a sexta posição do Campeonato Brasileiro com 12 pontos ganhos. Mas tem dois jogos a menos do que o líder Bragantino, com 18.

Últimas