Esportes 'Administrei bem', diz Chris Paul sobre lesões antes da final da NBA contra Bucks

'Administrei bem', diz Chris Paul sobre lesões antes da final da NBA contra Bucks

Peça fundamental para o sucesso do Phoenix Suns nesta temporada, o armador Chris Paul superou diversas lesões até chegar em sua primeira final de NBA na carreira. O rival será o Milwaukee Bucks. Recentemente ele revelou que atuou em parte da série contra o Los Angeles Clippers, pela final da Conferência Oeste, com alguns ligamentos da mão direita rompidos. Além disso, ele teve de lidar com a covid-19, que o afastou dos primeiros duelos.

Aos 36 anos, Chris Paul mostrou porque é considerado um dos melhores armadores da história da liga e anotou 41 pontos no jogo que colocou os Suns nas finais da NBA após 28 anos. "Eu administrei bem", comentou quando perguntado sobre os impactos das lesões em seu corpo.

O camisa 3 finalmente venceu um "fantasma" antigo que o encontrava na reta final dos playoffs, como na temporada 2017-2018, quando atuava no Houston Rockets. Na época, Chris Paul se machucou no jogo 5 enquanto o time liderava a série por 3 a 2 contra o Golden State Warriors, não retornou mais e a franquia levou a virada na série.

Em seu 16.° ano de NBA e prestes a disputar o anel de campeão, CP3, como é conhecido, reconhece que um descanso breve será útil para recarregar as baterias e chegar saudável na abertura das finais. "Cada dia de folga foi muito bom e todos nós temos a chance de descansar um pouco antes de começar novamente", disse em entrevista coletiva.

O primeiro jogo da série melhor de sete será nesta terça-feira, às 22 horas (de Brasília), na Talking Stick Resort Arena, em Phoenix.

Últimas