Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

A um mês e meio das eleições no Corinthians, chapas brigam entre si no Parque São Jorge; assista

Após confusão na sede social do Timão, os envolvidos 'Preto no Branco', 'Liberdade Corintiana' e 'União 88' lamentaram o ocorrido

Futebol|Do R7

A um mês e meio das eleições no Corinthians, os bastidores no Timão esquentam cada vez mais. Enquanto torcedores protestavam contra o elenco e a diretoria alvinegra no sábado (7), na porta do Parque São Jorge, membros de três diferentes chapas corintianas discutiram e brigaram entre si dentro da sede social do clube. Veja no vídeo acima.

Clique aqui e receba as notícias do R7 no seu WhatsApp

Compartilhe esta notícia pelo WhatsApp

Compartilhe esta notícia pelo Telegram

Publicidade

A confusão se deu entre integrantes da chapa "Preto no Branco", que apoia o presidente Duílio Monteiro Alves, e "Liberdade Corintiana" e "União 88", que têm criticado a atual gestão.

Em vídeo que circula nas redes sociais é possível ver tentativas de socos e pontapés, com um dos envolvidos caindo durante o conflito. A Polícia Militar precisou intervir para acabar com a confusão.

Publicidade

Na terça-feira (10), as três chapas emitiram uma nota em conjunto lamentando a confusão no Parque São Jorge e reconhecendo que o ocorrido não “reflete os princípios de respeito, união e fraternidade que defendemos para o Corinthians”.

A eleição no Corinthians está marcada para 25 de novembro, quando os sócios vão escolher entre Augusto Melo e André Negão, além de determinar os 200 conselheiros trienais.

Publicidade

Veja abaixo a nota divulgada pelas três chapas

"Lamentamos profundamente o desentendimento ocorrido no clube no último sábado, envolvendo membros das Chapas 88, 22 (Preto No Branco) e 21.

Reconhecemos que tal episódio não reflete os princípios de respeito, união e fraternidade que defendemos para o Corinthians.

O acontecimento teve início a partir de um momento de tensão, onde provocações e trocas de palavras exacerbadas ocorreram entre membros das Chapas.

Felizmente, a reconciliação com o estabelecimento de um diálogo franco e direto entre as partes foi possível de ser obtido agora, graças ao esforço dos membros das chapas, que agiram dentro do verdadeiro espírito corintiano, que impõe a restauração da ordem, da legalidade e da preservação da paz, como tem de ser.

Reafirmamos nosso compromisso com o entendimento, a colaboração e a coexistência pacífica.

Repudiamos todo e qualquer comportamento que ocasione divisão da nossa torcida e que possa prejudicar o ambiente de união e respeito que deve prevalecer no clube. O desfecho pela PAZ é o único que se poderia esperar e foi alcançado.

Pedimos desculpas a todos os Corintianos que, de alguma maneira, foram afetados por esse episódio. Nosso intuito é seguir trabalhando pelo bem do Corinthians, apresentando propostas e projetos.

Juntos, acreditamos que podemos construir um futuro melhor para o nosso clube, onde a paixão e o amor pelo Corinthians sempre prevalecerão".

Como a pausa para a data Fifa pode ajudar os clubes que disputam o Brasileirão?

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.