Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Tota Magalhães termina no 89º lugar da Vuelta Feminina

Tota Magalhães marcou o tempo de 24h53min08s na Vuelta Feminina de ciclismo estrada após oito etapas disputadas (880.9km)

Olimpíada Todo Dia

Olimpíada Todo Dia|Do R7

Final da Vuelta Feminina de ciclismo estrada! A manhã deste domingo (5) reservou a oitava e última etapa do evento na Espanha. A brasileira Tota Magalhães, a única representante do país, completou o percurso de 89,5km em 3h12min38s, terminando na 93ª colocação. Na somatória dos oito dias, e 880,9km percorridos, a brasileira terminou em 89º lugar, com o tempo de 24h53min08s.

A prova de hoje aconteceu na capital do país, Madri, e teve como grande vencedora a holandesa Demi Vollering, Team SD Worx - Protime. Ela completou o percurso em 2h43min06s. Na 93ª posição, Ana Vitória Magalhães cruzou a linha de chegada cerca de trinta minutos atrás da líder, e foi a terceira melhor atleta de sua equipe, a Bepink Bongioanni.

Resumo da competição

A grande vencedora da Vuelta Feminina de ciclismo estrada foi a ganhadora da prova de hoje, a holandesa Demi Vollering. Após oito etapas e 880,9km percorridos, a ciclista marcou o tempo de 23h30min55s. A francesa Évita Muzic ficou em segundo lugar, cerca de um minuto e cinquenta segundos atrás. Enquanto a italiana Elisa Longo Borghini completou o pódio dez segundos depois. Dessa forma, Ana Vitória Magalhães ficou cerca de uma hora e vinte e dois minutos atrás da líder, e no 89º lugar da classificação geral.

Durante as provas, Tota Magalhães oscilou entre boas provas e resultados que deixaram a desejar. Na primeira etapa, disputada em equipes, seu time ficou na última posição, 1min57s atrás do primeiro lugar. Nas duas fases seguintes, a brasileira teve um rendimento melhor e alcançou a 62ª e 37ª colocações. Porém, na quarta prova, ficou apenas na 91ª posição, e aumentou em cerca de 19 minutos a diferença na somatória dos tempos em relação à líder. Na quinta etapa, a brasileira recuperou a boa forma e alcançou o 59º lugar. Por fim, nas três últimas provas ela voltou a baixar o rendimento, com as posições de 94º, 97º e 93º.

tota magalhaes2

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.