Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Shuga avança para as oitavas de final do Pré-Olímpico Final

Wanderson de Oliveira, o Shuga, vence zambiano por decisão unânime e avança à terceira rodada do Pré-Olímpico

Olimpíada Todo Dia

Olimpíada Todo Dia|Do R7

O brasileiro Wanderson de Oliveira venceu sua segunda luta e avançou para as oitavas de final do Pré-Olímpico Final de boxe, disputado em Bangkok, na Tailândia. Shuga derrotou o zambiano Stephen Zimba por decisão unânime, na manhã desta terça-feira (28), e agora está a duas vitórias de garantir vaga olímpica na categoria até 71kg. Por outro lado, Cleisson Charles (63,5kg) se despediu da competição.

Assim como aconteceu em sua estreia, Shuga fez uma luta dominante contra Zimba. O brasileiro conseguiu impor superioridade e ganhou todos os rounds por decisão unânime. Na última parcial, quatro juízes lhe deram 10-8 tamanho foi o domínio no combate. Garantido nas oitavas de final do torneio, Wanderson enfrentará na próxima fase o polonês Damian Durkacz, já nesta quarta-feira (29).

Cinco vagas olímpicas estão em jogo na categoria até 71kg neste Pré-Olímpico Final. Portanto, será preciso chegar na semifinal para conseguir a classificação para Paris-2024 e Shuga está a duas vitórias de atingir isto. Caso chegue nas quartas de final e seja derrotado, ele poderá disputar uma espécie de repescagem buscando a última cota da categoria.

Cleisson Charles se despede

Publicidade

Outro brasileiro em ação no torneio, Cleisson Charles perdeu para o cubano Erislandy Alvarez e não seguiu adiante na categoria até 63,5kg. O brasileiro perdeu o primeiro round na visão dos cinco juízes, chegou a ganhar o segundo para dois árbitros, mas novamente o cubano venceu o último round e levou a vitória por decisão unânime.

Como esta é a última chance de obter classificação olímpica no boxe, o Brasil não terá representantes na categoria até 63,5kg em Paris-2024. Além de Shuga, Viviane Pereira é outra brasileira que segue no Pré-Olímpico. Ela superou a primeira rodada e também está a duas vitórias de garantir vaga em Paris na categoria até 75kg. Sua próxima luta será no sábado (1º).

O boxe brasileiro já tem dez vagas asseguradas nos Jogos Olímpicos de Paris-2024. Nove delas foram obtidas através da campanha história dos Jogos Pan-Americanos de Santiago-2023, com Caroline Almeida (50kg), Tatiana Chagas (54kg), Jucielen Romeu (57kg), Beatriz Ferreira (60kg), Barbara Santos (66kg), Michael Trindade (51kg), Wanderley Pereira (80kg), Keno Marley Machado (92kg) e Abner Teixeira (+92kg). A outra veio no primeiro Pré-Olímpico Mundial, obtida por Luiz Oliveira (57kg).

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.