Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Calderano vence japonês e vai à final do WTT Contender do Rio

Hugo Calderano se impõe sobre Yuta Tanaka, vence por 3 a 1 e se garante na final do WTT Contender do Rio de Janeiro

Olimpíada Todo Dia

Olimpíada Todo Dia|Do R7

Partiu, final! Hugo Calderano derrotou o japonês Yuta Tanaka por 3 sets a 1 (11/5, 5/11, 11/5 e 11/7), na noite deste sábado (25), e se classificou para a final do WTT Contender do Rio de Janeiro. O mesa-tenista brasileiro voltará a jogar neste domingo (26), contra o sul-coreano An Jaehyun. Por outro lado, Bruna Takahashi perdeu para a também japonesa Hina Hayata por 3 a 0 (11/1, 11/7 e 11/5) e parou na semifinal.

Oitavo colocado do ranking mundial, Calderano fez uma jornada dupla neste sábado. Horas depois de superar o francês Thibault Poret (164º), ele voltou à mesa para duelar contra Yuta Tanaka (72º), atleta que vem do título do WTT Feeder da Cappadocia. O brasileiro impôs seu favoritismo de cabeça de chave número um e espantou qualquer tipo de zebra, ganhando em sets diretos.

Como foi o jogo

Hugo venceu o primeiro set com autoridade. Depois do 2/2, o brasileiro impôs seu jogo na mesa e aplicou golpes firmes para marcar oito pontos seguidos. Ele encaminhou a vitória na parcial, que foi finalizada em 11/5. No segundo set, os papéis se inverteram: o japonês melhorou suas ações e o brasileiro parou de acertar com frequência. Assim, Tanaka controlou a parcial e saiu vitorioso em 11/5.

Publicidade
Hugo Calderano durante execução de golpe no WTT Contender do Rio de Janeiro

O cenário do terceiro set voltou ao que estava no primeiro. Hugo foi firme em seus ataques de forehand e dominou a parcial. Ele abriu 6/0 no começo e administrou a vantagem a partir de então, fechando o duelo em 11/5. No quarto set, o japonês até tentou equilibrar as ações, mas o brasileiro seguiu sua agressividade nos golpes e abriu vantagem para ganhar por 11/7.

Final é logo ali

Publicidade

Agora, na final, Hugo enfrentará o sul-coreano An Jaehyun (37º), que passou pelo alemão Steffen Mengel (64º). O duelo acontecerá no início da tarde deste domingo (26), às 11h45 (horário de Brasília). Com a campanha em solo carioca, Hugo Calderano já garante 180 pontos no ranking mundial. Caso for campeão, ele ultrapassará o taiwanês Lin Yun-Ju no ranking olímpico e passará a ser momentaneamente o quarto cabeça de chave de Paris-2024.

Bruna Takahashi é derrotada

Publicidade

Já Bruna Takahashi, 18ª colocada do ranking mundial, também fez dois jogos neste sábado e, depois de bater a alemã Franziska Schreiner (189ª) acabou derrotada pela também japonesa Hina Hayata (5ª), principal cabeça de chave do torneio, que venceu de forma dominante. Bruna repetiu o seu desempenho do WTT Contender do Rio de Janeiro do ano passado, quando também fez bela campanha e caiu nas quartas de final.

Ela somou 105 pontos no ranking mundial e, com isso, deve ganhar uma posição na próxima atualização da classificação. Bruna tem tudo para ser uma das 16 cabeças de chave do torneio olímpico, o que lhe dá o direito de entrar somente na terceira rodada em Paris-2024. As equipes brasileiras masculina e feminina de tênis de mesa já estão asseguradas nos Jogos Olímpicos.

Além da disputa individual, Bruna Takahashi participou das duplas mistas e das duplas femininas. Nas mistas, caiu com Vitor Ishiy nas quartas de final. Na feminina, atingiu a semifinal com a sua irmã Giulia Takahashi, obtendo um feito inédito para a parceria. Ainda no WTT Contender do Rio de Janeiro, Vitor Ishiy e Guilherme Teodoro também chegaram na semifinal de duplas masculinas.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.