Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Brasília é relacionado pela primeira vez na Liga das Nações

Levantador Brasília substitui Bruninho após lesão e fica à disposição da seleção brasileira em duelo contra o Irã na VNL

Olimpíada Todo Dia

Olimpíada Todo Dia|Do R7

O levantador Matheus Brasília chegou em Fukuoka, no Japão, e já se juntou à seleção brasileira de vôlei masculino para a disputa da segunda semana da Liga das Nações. Ele foi relacionado pelo técnico Bernardinho e estará à disposição da equipe na partida contra o Irã, que acontece na madrugada desta quinta-feira (06), às 00h (horário de Brasília).

Brasília substitui o capitão Bruninho, que teve um estiramento leve na panturrilha esquerda durante um dos treinos em Fukuoka e ficará ausente da segunda etapa da VNL. Bruninho chegou a ficar no banco de reservas contra a Alemanha, mas não atuou. Assim, o Brasil contou apenas com um levantador durante o jogo, Cachopa, que liderou a seleção em uma vitória tranquila por 3 sets a 0.

"A convocação sempre é motivo de muita felicidade. Representar seu país, estar entre os melhores do país, sempre é um objetivo de qualquer atleta. Ainda mais a gente falando da seleção brasileira, com todo histórico, toda trajetória que tem dentro do voleibol mundial, sendo um dos maiores esportes do cenário nacional. Um sonho, sendo cada vez mais realizado", falou Brasília.

Lista de relacionados

Publicidade

Além de Brasília, outras grandes novidades na relação de inscritos para o duelo contra o Irã são as voltas dos ponteiros Leal e Adriano, que ficaram de fora contra a Alemanha. Eles substituem o ponteiro Lukas Bergmann e o central Judson. Lukas foi o segundo maior pontuador no duelo contra os germânicos, naquela que foi sua estreia com a seleção brasileira na Liga das Nações.

Ao todo, Bernardinho colocou 14 jogadores à disposição para enfrentar o Irã: Brasília e Cachopa (levantadores); Alan e Darlan (opostos); Adriano, Arthur Bento, Leal, Lucarelli e Maurício Borges (ponteiros); Flávio, Isac e Lucão (centrais); e Honorato e Thales (líberos). Lukas Bergmann e Judson poderão ser relacionados nos jogos finais da segunda semana, contra Eslovênia e Polônia.

Publicidade

Até aqui, o Brasil tem três vitórias e duas derrotas na VNL. A equipe soma nove pontos e aparece em oitavo lugar na tabela de classificação, estando hoje com a última vaga direta para a fase final. Os sete primeiros colocados ao final de 12 rodadas (disputadas ao longo de três etapas), além da Polônia (país-sede), participam do mata-mata da competição.

Relacionados para o duelo entre Brasil x Irã pela VNL:

Brasília - levantador
Cachopa - levantador
Alan - oposto
Darlan - oposto
Adriano - ponteiro
Arthur Bento - ponteiro
Leal - ponteiro
Lucarelli - ponteiro
Maurício Borges - ponteiro
Flávio - central
Isac - central
Lucão - central
Honorato - líbero
Thales - líbero

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.