Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Beatriz Haddad assegura a vaga olímpica para Paris 2024

Atual número 20 do mundo, Beatriz Haddad foi a primeira tenista do país a carimbar o seu passaporte para a França através do ranking...

Olimpíada Todo Dia

Olimpíada Todo Dia|Do R7

Bia em Paris! A corrida no ranking olímpico de tênis para os Jogos Olímpicos de Paris 2024 foi concluída nesta quarta-feira (10). Por lá, Beatriz Haddad foi a primeira tenista do país a carimbar o seu passaporte para a França. No vigésimo lugar do ranking WTA, ela ficou entre as 56 atletas que se classificam diretamente aos Jogos. Ela se junta, agora, a Laura Pigossi, que já estava confirmada após ter alcançado a final dos Jogos Pan-Americanos, no ano passado.

Aos 27 anos, Bia já viveu quase todas as experiências que um tenista pode desfrutar, mas ainda não participou dos Jogos Olímpicos. Em Tóquio, em 2021, ela não tinha ranking suficiente para entrar na chave, por conta de seguidos problemas físicos e uma suspensão por doping. Apesar de não estar vivendo o seu melhor momento na carreira, Beatriz Haddad é a maior esperança de medalhas do Brasil no tênis.

A chave simples da Olimpíada conta com 64 jogadores, sendo 56 classificados diretamente pelo ranking. Entre as demais oito vagas, seis pertencem à ITF, a serem distribuídas aos finalistas das competições continentais: Jogos Pan-Americanos de 2023 (nas Américas), Jogos Asiáticos de 2022 e Jogos Africanos de 2023.

Outros brasileiros perto de Paris

Publicidade

Entre os homens, faltam detalhes para o Thiago Wild e o Thiago Monteiro confirmarem a presença através do ranking. Thiago Wild é o tenista brasileiro mais bem colocado do ranking ATP, no 71º lugar, e está a apenas uma posição da vaga. Da mesma forma, Thiago Monteiro também está próximo de Paris 2024, ocupando a 76º colocação.

Vale lembrar que Monteiro ainda pode se classificar via Pan-Americano, já que foi bronze em Santiago 2023 e aguarda a decisão da Confederação Argentina de Tênis. Podendo levar apenas quatro tenistas na chave simples, a Argentina já tem pelo ranking quatro tenistas no Top-31. Assim, o quinto colocado do país, Facundo Acosta, que conquistou a vaga no Pan-Americano têm chances de ficar de fora e passar a cota para o brasileiro.

Com a definição pelos capitães, o Brasil também encaminhou as classificações nas disputas em duplas. Ao todo, são sete atletas no top-100 masculino e feminino, sendo quatro entre os melhores do ranking atp e três no ranking WTA. Entre eles, Marcelo Melo (37º), Rafael Matos (46º) e Luisa Stefani (13ª).

Beatriz Haddad

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.