Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Atletas vivem saga para deixar o RS rumo ao WTT Rio

Sofia Kano e Victoria Strassburger precisaram pegar táxi até Florianópolis para poder viajar para o Rio de Janeiro

Olimpíada Todo Dia

Olimpíada Todo Dia|Do R7

As mesa-tenistas Victoria Strassburger e Sofia Kano viveram uma verdadeira saga para chegarem no Rio de Janeiro para a disputa o WTT Contender. Residentes do Rio Grande do Sul, elas tiveram seu voo cancelado ainda em consequência das enchentes no estado, tiveram que pegar um táxi até Florianópolis e viajaram de madrugada para a capital fluminense. Poucas horas depois de desembarcarem nesta segunda-feira (20), Sofia já estava em ação jogando sua primeira partida no torneio.

Sofia e Victoria moram e treinam em Porto Alegre, mas viajariam de Caxias do Sul, uma vez que o Aeroporto Salgado Filho segue fechado. O voo estava agendado para as 13h30 deste domingo (19), mas foi adiado por diversas vezes até ser cancelado. Como o torneio começaria já no dia seguinte, elas precisaram encontrar outra solução para chegar no Rio de Janeiro. Decidiram, então, pegar um táxi até Florianópolis e voar de lá.

As jovens mesa-tenistas chegaram na capital catarinense na madrugada desta segunda-feira, por volta das 02h30, e conseguiram viajar para o Rio de Janeiro pela manhã. Depois de uma jornada de quase 24 horas, as jovens mesa-tenistas chegaram na Cidade Maravilhosa às 10h30. Cerca de seis horas depois, Sofia Kano fez sua estreia no WTT Contender. Ela e Lucas Romanski perderam para Lhays Stolarski/Thiago Pradella por 3 a 1 (11/7, 11/6, 5/11 e 11/7), na estreia do quali de duplas mistas.

Publicidade

"Foi um dia bem cansativo, eu não consegui dormir quase nada. Mas a gente está aqui, tentando lutar pelo Rio Grande do Sul. Agradeço a todo mundo que já está ajudando, todo mundo que de qualquer forma está divulgando", falou Sofia Kano. Ela tem 17 anos de idade e é prima de Cláudio Kano, um dos maiores atletas da história do tênis de mesa brasileiro.

Sem voltar para casa

Publicidade

Sofia treina no Sogipa, um dos maiores clubes poliesportivos do Rio Grande do Sul, que abriu suas instalações para receber os desabrigados pelas enchentes no estado. No entanto, Sofia não teve contato com essas ações porque estava em Santa Catarina participando de um torneio quando as enchentes se iniciaram, ainda no início do mês, e desde então não voltou mais para casa, se acomodando em cidades da região metropolitana de Porto Alegre.

"De Santa Catarina, eu fui para Ivoti, que é uma cidade que fica a uns 40 minutos de Porto Alegre. Fiquei um tempo na casa de uma menina que treina comigo lá. Depois, eu fui para Novo Hamburgo, que é uma cidade do lado e que também não foi muito afetada pelas enchentes, e agora eu vim direto para cá. Acabei não indo para Porto Alegre e não vi como que estava o estado lá", comentou Sofia.

Publicidade

"Por incrível que pareça, eu não vi nenhum lugar alagado. Mas eu fiquei sabendo de muita gente que treina comigo que perdeu tudo, perdeu casa e, mesmo assim, ainda está ajudando as outras pessoas, levando comida, separando roupa. É uma coisa que o Brasil inteiro está trabalhando junto para tentar o Rio Grande do Sul", completou ela, que não teve sua casa afetada pelas enchentes.

Sofia Kano em ação no WTT Contender do Rio de Janeiro

Sofia Kano e Victoria Strassburger farão suas estreias no torneio individual feminino nesta terça-feira (21), pela segunda rodada do qualifying. Sofia jogará contra a taiwanesa Cheng Hsien-Tzu (137ª), às 16h20, enquanto Victoria (350ª) duelará contra a canadense Ivy Liao (122ª), às 14h00. Em caso de vitória, elas ainda precisarão jogar mais um jogo para chegarem na chave principal.

Treinador da seleção brasileira também fica para trás

Jorge Franck, que treina Victoria e Sofia no Sogipa e e que também é o técnico da seleção brasileira de tênis de mesa feminino, também teve problemas para deixar o Rio Grande do Sul. Seu voo também foi cancelado no domingo, mas, diferente das meninas, deixou para viajar nesta segunda-feira. Ele conseguiu chegar no Rio e estará à disposição para auxiliar suas atletas durante o WTT Contender.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.