Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Após bom início, Brasil sofre virada dos EUA na AmeriCup sub-18

Equipe teve bom primeiro período, mas não segurou o ritmo dos Estados Unidos e perdeu por 88 a 57. Canadá ou República Dominica podem...

Olimpíada Todo Dia

Olimpíada Todo Dia|Do R7

A Seleção Brasileira sub-18 de basquete somou seu segundo resultado negativo na AmeriCup sub-18. Após a vitória na última rodada, a equipe entrou em quadra nesta quarta-feira (5) para enfrentar os Estados Unidos. Após boa performance nos minutos iniciais,  a equipe não acompanhou o ritmo dos norte-americanos e perdeu por 88 a 57.

+ SIGA O OTD NO YOUTUBETWITTERINSTAGRAMTIK TOK E FACEBOOK 

Por enquanto, o resultado deixa o Brasil na segunda posição do grupo B, com uma vitória e duas derrotas. O primeiro triunfo brasileiro na competição até momento veio no clássico sul-americano contra a Argentina. Já o primeiro revés veio logo na estreia, contra a equipe de Belize.

Apesar da derrota, o Brasil avançou para as quartas de final da AmeriCup sub-18 de basquete masculino. Os rivais brasileiros na próxima fase serão da equipe do Canadá ou República Dominicana. A definição deve vir após o confronto entre Argentina e Belize. A partida está marcada para a próxima sexta-feira (7).

Publicidade

Resumo do jogo

Os primeiros cinco minutos do Brasil foram excelentes. Jogando com inteligência, a equipe teve bom aproveitamento no garrafão e liderou o placar por boa parte do primeiro período. Entretanto, ainda na primeira parcial, os norte-americanos começaram a converter arremessos em contra-ataques e empataram em 19 a 19. 

Publicidade

A partir daí, os Estados Unidos dominaram a partida. Com maior número de roubadas de bola, 10 contra 4, os norte-americanos fizeram jogadas rápidas e apostaram nos arremessos triplos. Foram 32 tentativas e 9 conversões. Já o Brasil acertou apenas 4 de 16. Outro ponto que destaca a posse eficiente dos estadunidenses foram as assistências. Os brasileiros somaram 14 contra 24 dos rivais.  

Patrick Perna foi o maior pontuador brasileiro no jogo, somando 10 pontos. Ele foi o único a terminar com mais de dois dígitos no fundamento. Do lado dos Estados Unidos, quatro jogadores fizeram mais de 10 pontos, com Jasper Johnson e John McKenney III como os cestinhas fazendo 12 pontos cada.

+ SIGA O OTD NO YOUTUBETWITTERINSTAGRAMTIK TOK E FACEBOOK 

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.