Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Rizek comenta Robinho no CT do Santos e opina sobre idolatria do jogador no clube

Governo italiano pede que o ex-jogador cumpra a pena no Brasil

Lance|

Lance
Lance Lance (Lance)

Repercutiu na última terça-feira (27) a notícia que o ex-atacante Robinho, condenado por estupro na Itália, participou de um churrasco no CT do Santos. O jornalista André Rizek, do "ge", comentou o assunto e afirmou que o ex-jogador não pode mais ser considerado ídolo do Peixe.

- O Robinho fez uma escolha, a escolha de ser um criminoso. Fica a reflexão se um clube deve homenagear, receber um criminoso. Quando alguém decide ser um criminoso, você deixa o panteão dos ídolos, tem que descer dessa prateleira. A história está lá, mas a idolatria não pode seguir - disse Rizek.

➡️Siga o Lance! Fora de Campo no WhatsApp e saiba o que rola fora das 4 linhas

- No fundo, esse episódio do Robinho, o silêncio do futebol com o crime que ele e o Daniel Alves cometeram confirma a frase que o PC Vasconcellos disse: "No futebol brasileiro, nenhum homem solta a mão de outro homem, há uma espécie de pacto nesse sentido - completou o apresentador.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.