Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Sob forte chuva, seleção peruana treina e reclama de CT do Flu

Assessoria de imprensa do Peru afirmou que não faria as entrevistas coletivas porque a sala já estava ocupada; Tricolor rebate

Futebol|Do R7

Seleção peruana treinou no CT do Fluminense
Seleção peruana treinou no CT do Fluminense Seleção peruana treinou no CT do Fluminense

O temporal que caiu na cidade do Rio de Janeiro nesta sexta-feira não impediu o treinamento do Peru para a final da Copa América contra o Brasil, no próximo domingo, no Maracanã. No entanto, a delegação peruana reclamou da confusão no Centro de Treinamento do Fluminense. O clube carioca se defendeu alegando falta de comunicação entre as partes.

Treinando quase no mesmo horário, o Flu havia anunciado no último domingo, quando divulgou a programação semanal, que faria o atendimento à imprensa após o treino das 9h. A entrada dos jornalistas começou a partir de 11h15 para ouvir o meia Miguel e o atacante Marcos Paulo. O Peru, porém, também anunciou que dois jogadores falariam, mas alegou que, apesar de avisar com antecedência, a sala não estava liberada.

- Pedimos desculpas pelo ocorrido hoje. Sabemos que havíamos oferecido entrevista, mas a sala de imprensa será utilizada pelo Fluminense, apesar de termos informado nossa programação com a devida antecedência - escreveu a equipe de comunicação peruana aos jornalistas.

O Fluminense informou que não recebeu o pedido antecipado para a utilização do espaço, mas salientou que, ainda assim, ofereceu a sala para as entrevistas. Integrantes do Peru ainda afirmam que não foi dada uma sala à comissão técnica, as banheiras de hidromassagem liberadas ficavam na parte exterior e não podiam ser usadas por conta da chuva e o vestiário precisou ser dividido. O clube carioca afirma que Argentina e Uruguai, que usaram os mesmos espaços, não reclamaram da estrutura.

Publicidade

Por causa da chuva, a chegada da seleção peruana ao treinamento atrasou. A atividade, que começaria às 10h, só teve início quase às 11h. A imprensa que acompanhava no local ficou exposta à chuva até que a assessoria do Fluminense liberou a sala de imprensa.

Já em campo...

Publicidade

A imprensa pouco pôde ver do treinamento da seleção peruana. Nos 20 minutos que foram abertos, os goleiros ficaram a maior parte do tempo na atividade e, posteriormente, o grupo apareceu para o aquecimento. A maior preocupação de Ricardo Gareca neste momento é o atacante Edison Flores, que apresenta dores no tornozelo direito desde a vitória sobre o Chile.

Os peruanos voltam a treinar na manhã deste sábado, na última atividade antes da decisão contra a Seleção Brasileira. Desta vez, o treinamento será realizado no Estádio Nilton Santos.

Publicidade

Curta a página do R7 Esportes no Facebook. 

Veja sete motivos para o Peru ser a zebra do ano e vencer o Brasil

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.