Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Maycon dá a letra sobre a solução para o Corinthians sair da má fase

Para o meia, com trabalho o Timão pode colher melhor sorte ainda nesta temporada

Futebol|Do R7

Lance
Lance Lance

Volante do Corinthians, Maycon lamentou o momento ruim da equipe alvinegra, eliminada na Conmebol Sul-Americana para o Fortaleza, na noite desta terça-feira (3). O jogador reconheceu que a temporada atual é a pior dele no Timão, mas deu a solução para deixar a má fase. 

– Difícil. Ano difícil. Talvez seja o meu pior ano no Corinthians, em termos de resultados, mas eles também vêm, mas temos que ter força para superar isso juntos e terminar bem essa temporada. Não tem outro caminho, não tem o que fazer. Temos que trabalhar, pensar jogo a jogo, pensarmos três pontos a cada jogo. Trabalhar, melhorar. Esse é o caminho. A gente não tem outra saída – disse o meio-campista revelado pela equipe alvinegra e que está emprestado pelo Shakhtar Donetsk, da Ucrânia, até o fim do ano. 

+ Tem promoção exclusiva de boas-vindas pra você! Aposte a partir de R$10 e receba até R$200 de bônus na Lance! Betting

Maycon reconheceu que a troca de treinadores durante a temporada foi um grande problema, mas também ressaltou que os jogadores que defendem o Corinthians precisam estar preparados para ocasiões como essa, por conta da pressão natural que cerca o clube. 

Publicidade

+ Garanta a sua vaga no curso que formou craques como Pet, Dante e Léo Moura! Cupom: LANCE1000

– A gente sabe que quando o treinador tem um tempo de trabalho maior os resultados tendem a acontecer. As trocas complicam. Mas a gente está no Corinthians e temos que estar preparados, a gente sabe a pressão que é. É entender os movimentos que temos e tentar responder da melhor forma.

Publicidade

+ VEJA A TABELA E CONFIRA AS CAMPANHAS DA CONMEBOL SUL-AMERICANA

Maycon dificilmente vai permanecer no Timão em 2024 e deve fazer parte da barca que dará espaço para novos atletas a partir do ano que vem. Ele pertence ao Shakhtar até o fim de 2025 e já foi emprestado pelos ucranianos em duas temporadas consecutivas. Mesmo com o camisa 7 tendo evoluído durante a temporada e retomado a condição de titular, a tendência é que ele não seja comprado em definitivo, independentemente de qual diretoria esteja no comando da equipe. No dia 25 de dezembro terá eleição para definir o novo presidente corintiano. 

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.