Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

John Kennedy tem a chance de aproveitar jogo do Fluminense às vésperas da Libertadores e busca vaga como titular

Fernando Diniz pode poupar principais jogadores contra o América-MG

Futebol|Do R7

Lance
Lance Lance

Na véspera do confronto contra o América-MG, Fernando Diniz tem a chance de escalar uma equipe alternativa do Fluminense visando o duelo contra o Olimpia, pelas quartas de final da Libertadores. Por conta disso, jogadores que não vem tendo muito espaço no time titular podem ser aproveitados.

Esse é o caso de John Kennedy, que não foi relacionado para o confronto contra o Grêmio devido a uma suspensão após ter recebido seu 3º cartão amarelo no Brasileirão diante do Palmeiras. O camisa nove vem reconquistando seu espaço nas últimas semanas e se mostra peça importante do elenco.

Na estreia do Tricolor no Brasileirão, o centroavante recebeu uma oportunidade entre os titulares da equipe, uma vez que a equipe de Fernando Diniz tinha um jogo marcado contra o The Strongest, pela Libertadores, três dias depois. E o jovem aproveitou sua oportunidade com um gol marcado na vitória por 3 a 0 dos cariocas sobre os mineiros.

O atacante perdeu espaço no elenco após ser titular em três dos seis primeiros jogos do Brasileirão, mas tem a confiança dos torcedores. Nos dois últimos jogos realizados contra Palmeiras e Argentinos Juniors, o atleta marcou um gol em cada jogo e ainda contribuiu com uma assistência no jogo da Libertadores.

Publicidade

Além de ser o lanterna do Campeonato Brasileiro, o América-MG também tem chances de poupar sua equipe pensando no confronto contra o Fortaleza, pelas quartas de final da Sul-Americana, na quinta-feira (24). Desde o início do mata-mata do torneio continental, os mineiros não vem obtendo bons resultados, o que é um ponto positivo para o Tricolor, que tem um elenco mais profundo.

Nesse sentido, o torcedor presente no Maracanã tem a oportunidade de ver John Kennedy brilhar mais uma vez contra a pior defesa do Brasileirão, que tem 41 gols sofridos até aqui. Imaginando que Keno e/ou Jhon Arias possam ser poupados, o camisa nove vê uma nova chance se aproximando e buscando aproveitá-la da melhor maneira.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.