Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Jogadores do Santos reclamam da arbitragem; Relembre as polêmicas no Brasileirão

Peixe reclamou da não marcação de um pênalti na derrota diante do Flamengo

Futebol|Do R7


Lance
Santos reclamou da entrada de Matheuzinho em Camacho (Foto: reprodução/Premiere)

Os jogadores do Santos se posicionaram contra a arbitragem após a derrota para o Flamengo por 3 a 2, no Maracanã, pela 34ª rodada do Campeonato Brasileiro nesta terça-feira (25).

O lance polêmico aconteceu 49 minutos do primeiro tempo da partida. O volante Camacho, do Santos, recebeu na área e caiu na disputa com o lateral-direito Matheuzinho. Os santistas reclamaram de pênalti claro, mas o árbitro não marcou e em seguida o Flamengo saiu em contra-ataque. O próprio Matheuzinho recebeu de Marinho e cruzou rasteiro, Pedro desviou de letra e abriu o placar.

Os jogadores do Peixe reclamaram muito na hora, mas o juiz confirmou o gol. O clube se pronunciou nas redes sociais e a CBF logo suspendeu por tempo indeterminado o árbitro André Luiz de Freitas Castro (GO) e o responsável pelo VAR, Adriano Milczvski (PR).

Relembre abaixo alguns lances polêmicos da arbitragem pelo Brasileiro:

Publicidade

Fluminense 0x0 Santos (1ª rodada)

Na estreia da competição, o Santos empatou sem gols com o Fluminense no Maracanã. Quase no final do jogo, Angulo foi derrubado na área. O árbitro sequer foi chamado ao VAR para analisar a imagem e gerou muitas reclamações dos santistas.

Publicidade

Santos 2×1 Coritiba (2ª rodada)

No primeiro jogo na Vila pela competição, o Santos venceu o Coritiba por 2 a 1. No entanto, o gol do Coxa foi de um pênalti foi marcado em um lance com o volante Vinicius Zanocelo e também gerou insatisfação no clube.

Publicidade

São Paulo 2×1 Santos (4ª rodada)

O Santos perdeu para o São Paulo por 2 a 1, no Morumbi. Foi o primeiro clássico da competição e o time santista reclamou em um lance que antecedeu o pênalti para o rival. O Peixe afirma ter acontecido um erro de Leandro Vuaden. Marcos Leonardo e Alisson disputavam a bola e antes dela sair, o jogador do São Paulo tentou segurar a bola. A arbitragem marcou lateral contra o Peixe, na sequência, ocorreu a penalidade.

Santos 0x0 Ceará (7ª rodada)

Na Arena Barueri, o Santos empatou sem gols contra o Ceará. O Peixe chegou a marcar um gol, mas ele foi anulado pelo VAR pois, de acordo com a arbitragem, no início da jogada, Jhojan Julio e Rodrigo Fernández disputavam a bola com Zé Roberto, do Ceará, ainda no meio-campo. A bola ficou com o volante santista, que passou para Julio. Na sequência, ele tocou para Lucas Pires cruzar e Léo Baptistão apareceu na área para finalizar e fazer o gol. Mas o lance foi anulado.

Santos 0 x 1 Palmeiras (8ª rodada)

O Santos teve um gol de Marcos Leonardo anulado pelo VAR por alegação de falta de Léo Baptistão em Zé Rafael na origem da jogada.

Santos 1×1 Internacional (10ª rodada)

Peixe empatou em 1 a 1 com o Internacional, na Vila Belmiro. No entanto, o Santos teve um gol anulado pelo VAR ainda no primeiro tempo. O zagueiro Eduardo Bauermann cabeceou para o fundo das redes na cobrança de falta do lateral-esquerdo Lucas Pires e a arbitragem de campo havia validado o gol. A imagem do VAR gerou dúvidas sobre a posição do defensor ser legal.

Red Bull Bragantino 0x2 Santos (32ª rodada)

Apesar da vitória do Santos em Bragança Paulista, os santistas reforçaram que o confronto foi marcado pela arbitragem ruim de Paulo Cesar Zanovelli. Além de toda a condução do jogo, o lance mais polêmico teria sido a não expulsão do jogador do Bragantino em um lance sobre o zagueiro Eduardo Bauermann.

Santos 0x1 Corinthians (33ª rodada)

Houve dois lances polêmicos no clássico na Vila Belmiro. O atacante Yuri Alberto teve uma chegada forte sobre o volante Rodrigo Fernández e levou um cartão amarelo, em outro lance levou o segundo e foi expulso. No entanto, os santistas reclamaram de uma possibilidade de expulsão direta. No segundo tempo, o meia-atacante Lucas Barbosa foi expulso por dois cartões amarelos e no lance do segundo cartão, ele não teria feito falta no Cássio.

Flamengo 3x2 Santos

Aos 49 minutos do primeiro tempo no Maracanã, Camacho recebeu na área e caiu na disputa com o lateral-direito Matheuzinho. Os jogadores do Santos reclamaram de pênalti claro, mas o árbitro não marcou. O Flamengo saiu em contra-ataque, o próprio Matheuzinho recebeu de Marinho e cruzou rasteiro, Pedro desviou de letra e abriu o placar no Maracanã. Os jogadores do Peixe reclamaram muito na hora, mas o juiz confirmou o gol. O clube se pronunciou nas redes sociais e a CBF logo suspendeu por tempo indeterminado o árbitro André Luiz de Freitas Castro (GO) e o responsável pelo VAR, Adriano Milczvski (PR).

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.