Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Flamengo x Racing: rubro-negros defendem invencibilidade contra argentinos na Libertadores

Equipe carioca tem retrospecto impressionante contra argentinos na competição mais importante da América

Futebol|Do R7

Lance
Lance Everton Ribeiro já balançou as redes contra argentinos no Maracanã (Foto: Marcelo Cortes/Flamengo)

O Flamengo enfrenta o Racing nesta quinta-feira, e defenderá um tabu histórico contra times argentinos na Libertadores. O Rubro-Negro jamais perdeu para os hermanos no Maracanã, algo a ser celebrado. A equipe de Sampaoli, além do retrospecto, precisa da vitória por conta da situação do Grupo A.

No momento, o Rubro-Negro ocupa a segunda posição do certame, com cinco pontos. Se vencer, o Flamengo praticamente confirma a classificação para as oitavas de final do torneio continental e, de quebra, mantém as chances de terminar a fase de grupos na liderança. O Racing detém a ponta do Grupo A, com 10 pontos conquistados.

O RETROSPECTO

Ao todo, o Flamengo disputou sete partidas contra argentinos em seus domínios por Libertadores. São cinco vitórias e dois empates, e as igualdades aconteceram em duelos recentes: contra o próprio Racing, em 2020, e diante do Vélez Sarsfield, em 2021. Curiosamente, o Rubro-Negro também venceu os de Liniers na semifinal do ano passado, quando se sagrou campeão.

Publicidade

+ Veja a tabela completa da Libertadores

Os outros triunfos rubro-negros diante de sua torcida aconteceram contra River Plate, Boca Juniors, San Lorenzo e Talleres. Nos quatro confrontos, o Flamengo conseguiu balançar as redes do adversário 15 vezes, sendo vazado em quatro oportunidades. O resultado mais elástico foi diante do Ciclón, o time do Papa Francisco, quando o clube da Gávea aplicou sonoro 4 a 0 em 2017.

Publicidade

RELEMBRE OS CONFRONTOS

02/11/82: 4x2 River Plate, fase de grupos (Tita, Júnior, Zico e Ronaldo Marques)

Publicidade

01/05/91: 2x1 Boca Juniors, quartas de final (Marquinhos e Gaúcho)

08/03/17: 4x0 San Lorenzo, fase de grupos (Diego, Trauco, Rômulo e Gabriel)

24/11/20: 1x1 Racing, oitavas de final (Wiliam Arão)

17/05/21: 0x0 Vélez Sarsfield, fase de grupos

12/04/22: 3x1 Talleres, fase de grupos (Gabigol e Everton Ribeiro 2x)

07/09/22: 2x1 Vélez Sarsfield, semifinal (Pedro e Marinho)Pedro marcou um dos gols da última vitória do Flamengo sobre argentinos na Libertadores (Foto: CARL DE SOUZA / AFP)

GOSTO AMARGO

Apesar de não ter perdido para nenhum argentino no Maracanã, o Flamengo já sentiu o gostinho de uma eliminação diante dos hermanos. Foi justamente contra o rival da noite desta quinta-feira, o Racing, em 2020, quando as equipes se enfrentaram pelas oitavas de final. Depois de empatar a primeira partida em 1 a 1, na Argentina, o Rubro-Negro, comandado por Rogério Ceni, chegou confiante à decisão.

O duelo, no entanto, foi bastante doloroso para o Flamengo. Depois de perdeu um caminhão de gols com Vitinho, Arrascaeta e companhia, a equipe acabou castigada em lance de bola parada. O empate heroico veio nos últimos segundos, com Willian Arão, mas o camisa 5 foi do céu ao inferno, desperdiçando uma das cobranças de pênaltis da disputa. No fim, o Racing venceu por 5 a 3, nas penalidades, e avançou.

+ Gabigol não treina com grupo e desfalca o Flamengo contra o Racing

O primeiro duelo entre as equipes nesta edição da Libertadores voltou a ter o 1 a 1 como placar. Gabigol marcou para o Flamengo, enquanto Oroz balançou as redes rubro-negras em linda cobrança de falta. Sampaoli busca a redenção contra o time argentino nesta quinta-feira, às 21h (de Brasília), com o apoio de mais de 60 mil torcedores no Maracanã.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.