Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Zubeldía é apresentado no São Paulo: ‘Sabia que nossos caminhos iam se cruzar’

Treinador chega para substituir Thiago Carpini e estreia será contra o Barcelona de Guayaquil, fora de casa, pela Libertadores

Jogada 10

Jogada 10|Do R7

Foto: Divulgação/São Paulo

O São Paulo apresentou nesta segunda-feira, o técnico Luis Zubeldía. O argentino chega para substituir Thiago Carpini, que foi demitido após a derrota para o Flamengo, no Campeonato Brasileiro. O novo treinador do Tricolor Paulista chega ao Brasil após comandar a LDU em dois títulos no ano passado: o Campeonato Equatoriano e a Copa Sul-Americana. Sua estreia será nesta quinta-feira (25), contra o Barcelona-EQU, fora de casa, pela Libertadores.

Apesar de ainda não ter comandado a equipe, Zubeldía já teve suas primeiras impressões neste domingo (21). O argentino esteve em Goiânia e acompanhou de perto a vitória do São Paulo por 3 a 0 em cima do Atlético-GO. Na coletiva, o treinador falou da felicidade de fechar com o Tricolor e suas primeiras impressões do clube.

“Obrigado por estar aqui, pela boa-vinda. A primeira sensação é de felicidade. A equipe que venho, chego 15 anos me preparando com meu grupo de trabalho e sinto que esta profissão nos demanda preparação constante. Como a amo, o futebol, tomou um tempo lógico para que nossos caminhos se cruzassem”, disse Zubeldía, que prosseguiu.

Publicidade

“Em janeiro nos falamos, mas por questões pessoais, por ter saído de outro clube, de outro país, precisava de um tempo para me preparar para o próximo desafio. Depois, nos cruzamos e não duvidei em assumir, pela grandeza do clube, do elenco. Nos treinamentos vou poder ter um diagnóstico mais certeiro para preparar minha ideia de jogo. Mas conheço o grupo, nos enfrentamos e vejo muito o Brasileirão. Estou contente, e o tempo que pode chegar a demandar a minha ideia, não se sabe, mas espero que seja o mais rápido possível. O mais importante é que conto com bons jogadores”.

Zubeldía acredita em adaptação rápida no São Paulo

Publicidade

Além disso, o treinador sabe que não terá muito tempo para treinamento. Muito por conta do calendário do futebol brasileiro. Contudo, o argentino ressaltou o trabalho feito internamente no São Paulo e acredita que vai conseguir se adaptar rapidamente.

“O mais importante é o que falamos com a diretoria é que há jogadores de diferentes características, dentro de uma ideia maior, planificar partidos de diferentes maneiras. Pode jogar com dois atacantes, vários volantes, extremos. Apesar do calendário, ter jogadores que se adaptam a várias situações acelera minha adaptação. Vamos ter poucas sessões de treinamento”, falou o treinador, que seguiu.

Publicidade

“Certos princípios de jogo, com bola ou não, vamos respeitar desde a primeira partida. Depois, há uma adaptação da minha parte, dia a dia, onde tem a ver com o modelo de jogo, com Brasileirão, Libertadores, que é diferente, Copa do Brasil… lesões, juvenis que estão no plantel… somos um corpo técnico prático e não temos dúvida de que vamos nos adaptar rapidamente”.

Zubeldía também explicou os motivos de escolher o São Paulo. Ele recebeu ofertas do Equador e da Arábia Saudita, mas preferiu fechar com o Tricolor.

“Eu tive várias ofertas, de várias ligas, mas queria estar aqui. Prioridade foi me recompor em todos os sentidos para poder aceitar novos desafios. Mas sempre tive a sensação que nos cruzaríamos. Nos enfrentamos na Sul-Americana e senti que meu destino podia estar aqui. Quando falamos com o presidente, em cinco minutos fizemos o acordo. Foi uma conversa muito sincera. Contei o que tinha acontecido em janeiro e mostrei a minha gana de chegar. Meus objetivos são os mais altos possíveis”.

Treinador quer conhecer elenco antes de pedir reforços

Por fim, Zubeldía foi questionado sobre a necessidade de reforços no São Paulo. Apesar de acompanhar a equipe, o argentino pediu um tempo para conhecer melhor o elenco, antes de pedir alguma contratação.

“Hoje é inoportuno falar do que falta. Não conhece o elenco na totalidade. Tenho conhecimento anterior pelo que vi, mas vou terminar de conhecer no dia a dia. O elenco está bem formado e, a partir daí, os jogadores têm que fazer sua parte, o corpo técnico e a diretoria também. Mas me parece que o elenco está bem e, por isso, assumi o compromisso”, finalizou.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.