Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Santos derrota Bragantino e decide Paulistão após oito anos

Peixe faz 3 a 1 no Massa Bruta na Neo Química Arena e agora aguarda o vencedor de Palmeiras x Novorizontino, que jogam nesta quinta...

Jogada 10

Jogada 10|Do R7

Foto: Divulgação/Santos
Foto: Divulgação/Santos Foto: Divulgação/Santos (Jogada 10)

O Santos v ai decidir o Campeonato Paulista após oito anos. Nesta quarta-feira (27), na Neo Química Arena, o Peixe derrotou o Bragentino por 3 a 1 e, sendo assim, volta a uma final paulista após conquistar o bicampeonato em 2016. Joaquim, Guilherme e Giuliano marcaram para o clube da baixada santista, enquanto Eduardo Sasha fez o da equipe de Bragança Paulista.

Agora, o Santos aguarda o vencedor do embate entre Palmeiras e Novorizontino, nesta quinta (28), para conhecer seu adversário na decisão. A primeira partida das finais será domingo (31) Já o Bragantino recebe o Coquimbo Unido, quarta-feira (3), pela Copa Sul-Americana.

Santos abre vantagem no primeiro tempo

O jogo ainda era de estudos quando o Santos abriu o placar. Aos sete minutos, Guilherme cobrou escanteio da direita, Joaquim foi no último andar e, desse modo, cabeceou sem chances para Cleiton: 1 a 0. O gol animou o peixe e, em seguida, Felipe Jonatan cruzou da esquerda Giuliano cabeceou para boa defesa de Cleiton.

A partir daí, o jogo ficou mais equilibrado, entretanto, nenhuma grande chance foi criada. Contudo, em chutes de Eric Ramires e Jadsom Silva, o Massa Bruta esteve perto de empatar. Mas gol mesmo quem fez foi o Santos. Aos 45 minutos, Pituca fez grande jogada e serviu Pedrinho na ponta direita. Ele cruzou, Giuliano completou e dobrou a vantagem santista.

Publicidade

Segundo Tempo

O Bragantino voltou inegavelmente com a pontaria melhor. Pelo menos a de Eduardo Sasha. Aos cinco minutos, ele recebeu fora da área, acertou uma bomba e diminuiu a vantagem do Peixe. a resposta, todavia, não tardou e veio na mesma moeda. Pedrinho roubou a bola na ponta direita aos 17, cruzou e Giuliano completou de cabeça.

O respiro do Santos, ademais, quase ficou ainda maior logo quatro minutos depois, quando Guilherme pegou sobra, bateu forte e a bola passou muito perto. Como em quase todo o jogo, o Santos voltou a ter menos a bola. Apesar do domínio territorial, em resumo, o Bragantino não chegou a ameaçar de fato. Dessa forma, o placar não foi mais alterado.

Publicidade

SANTOS 3 X 1 BRAGANTINO

Campeonato Paulista 2024 – Semifinal

Data: 27/03/2024

Publicidade

Local: Neo Química Arena, em São Paulo (SP)

SANTOS: João Paulo, Hayner, Gil, Joaquim e Felipe Jonatan; João Schmidt, Diego Pituca (Rincon, 40’/2ºT) e Giuliano (Cazares, 26’/2ºT); Pedrinho (Weslley Patati, 26’/2ºT) , Julio Furch (Morellos, 31’/2ºT) e Guilherme (JP Chermont, 40’/2ºT). Técnico: Fábio Carille

BRAGANTINO: Cleiton, Nathan Mendes, Lucas Cunha (Bruninho, 40’/2ºT), Luan Cândido e Juninho Capixaba; Jadson Silva, Matheus Fernandes (Henry Mosquera, Intervalo) e Eric Ramires (Gustavinho, 33’/2ºT); Helinho (Talisson, 33’/2ºT), Eduardo Sasha e Vitinho (Thiago Borbas, Intervalo). Técnico: Pedro Caixinha

Gols: Joaquim, 7’/1ºT (1-0); Guilherme, 45’/1ºT (2-0); Eduardo Sasha, 5’/2ºT (2-1); Giuliano, 17’/2ºT (3-1)

Árbitro: Matheus Delgado Candançan

Assistentes: Miguel Cataneo Ribeiro da Costa e Evandro de Melo Lima

VAR:  Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral

Cartão Amarelo: Matheus Fernandes, Eduardo Sasha (BRA)

Cartão Vermelho: Hayner, 38’/2ºT

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.