Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Caixa aguarda nova proposta do Corinthians por dívida da Arena

Clube deve cerca de R$ 700 milhões à Caixa, por conta da construção da Arena do Corinthians; clube teve oferta recusada recentemente...

Jogada 10

Jogada 10|Do R7

Foto: Divulgação/Corinthians
Foto: Divulgação/Corinthians Foto: Divulgação/Corinthians (Jogada 10)

A Caixa Econômica Federal está esperando uma nova oferta do Corinthians para que o clube possa começar a quitar sua dívida com o banco, por conta da construção da Neo Química Arena. O débito, na casa dos R$ 700 milhões, já vem sendo negociado pela diretoria corintiana, que esteve em fevereiro em Brasília para tentar encontrar uma forma de parcelar o pagamento.

Recentemente, o Timão procurou a Caixa e fez uma proposta de pagamento, que entretanto acabou recusada. Mesmo assim, o presidente da Caixa, Carlos Vieira, não descarta seguir ouvindo ofertas. Na realidade, ele está aguardando a movimentação da cúpula do Corinthians para decidir a questão.

“A Caixa foi, de fato, responsável pela construção da Arena Corinthians. Existe um saldo devedor daquele bem construído lá em Itaquera. Estamos retomando um processo de negociação para encontrar um mecanismo de liberar o estádio e dar sua garantia, desde que a dívida seja quitada com a Caixa. Temos algumas premissas e modelos de negócios que o Corinthians está avaliando. Na realidade, o Corinthians não apresentou concretamente uma proposta. Estamos numa fase de diálogo com eles para encontrar um melhor termo de quitação dessa dívida”, disse, ao portal ‘Poder 360’.

A proposta recusada pela Caixa era de que o Corinthians pagasse R$ 531 milhões. Destes, R$ 356 milhões seriam pelo naming rights do estádio e os outros R$ 175 milhões pela compra de dívidas que a Caixa teria que pagar a terceiros.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.