Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Após estreia discreta, Diego Costa desabafa sobre críticas de comportamento

Centroavante joga 20 minutos no segundo tempo empate com o São Paulo, prevê melhora e diz que não tem ego no Botafogo

Jogada 10

Jogada 10|Do R7

Jogada10
Jogada10 Jogada10

A estreia de Diego Costa no Botafogo causou expectativa. Afinal, o centroavante teve pouco tempo de futebol brasileiro na carreira e brilhou na Europa. Ainda em processo de evolução física, foi utilizado apenas por 20 minutos pelo técnico Bruno Lage no empate com o São Paulo, no Morumbi. Assim, não fez muito além de brigar pela bola no ataque e tentar fazer o pivô. Mas prometeu evoluir.

“Vinha me preparando para essa estreia. Vinha treinando e me preparando. Acho que me encontrei bem, com o passar dos jogos vou pegar ritmo e melhorar. Sei do meu potencial, e o grupo me abraçou muito bem”, disse Diego Costa, após a 17a partida invicta.

Avesso à exposição, Diego Costa até que falou bastante a respeito do Botafogo e de sua trajetória. Ele valorizou o ambiente do clube e deabafou sobre críticas antigas ao seu comportamento. Segundo o camisa 19, as reclamações que fez na carreira tiveram o intuito de ajudar.

“Esse boato que eu sou ruim de vestiário deve ser algo de diretoria (de outros clubes). Em todos os times que passei a coisa que eu levei foi o carinho de todos. Esse boato, se existir, vem de diretoria porque eu cobro melhorias. E quando bate de frente com a personalidade que eu tenho, você acaba chocando com as pessoas de cima. Sou a pessoa mais fácil de se lidar, sempre tive uma relação positiva com os companheiros” defendeu-se o jogador.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.