Logo R7.com
Logo do PlayPlus
BRASILEIRO 2022
Publicidade

Com emoção, Corinthians bate o América nos pênaltis e enfrenta o São Paulo na semi da Copa do Brasil

Após vencer no tempo regulamentar por 3 a 2, o Alvinegro conseguiu a classificação nas penalidades máximas com gol de Yuri Alberto

Futebol|Do Live Futebol BR


Renato Augusto comemora gol pelo Corinthians
Renato Augusto comemora gol pelo Corinthians

Precisando reverter o placar sofrido no jogo de ida e buscando a classificação na Copa do Brasil, o Corinthians recebeu o América-MG neste sábado (15), na Neoquímica Arena, e nos pênaltis conseguiu a classificação após vencer no tempo regulamentar por 3 a 2, com gols de Renato Augusto, Yuri Alberto e Róger Guedes, pelo Alvinegro. Benítez e Mastriani descontaram para o Coelho.

Nas penalidades, Cássio brilhou, defendeu os chutes de Paulinho Bóia e Benítez, enquanto Marcinho mandou por cima do gol. Coube a Yuri Alberto marcar o gol da classificação corintiana.

Compartilhe esta notícia no WhatsApp

Compartilhe esta notícia no Telegram

Publicidade

Agora o Corinthians enfrentará o São Paulo, que derrotou o Palmeiras na última quinta-feira (13), na semifinal da competição. Grêmio e Flamengo disputam a vaga na final na outra chave.

O Corinthians volta a campo na próxima terça-feira (18), quando enfrenta o Universitário, do Peru, pela repescagem da Copa Sul-Americana. Já o América recebe o Colo-Colo no mesmo dia e pela mesma competição.

Publicidade

Leia também

Primeiro tempo movimentado, mas placar não sai do zero

Buscando o resultado e a classificação, Corinthians e América fizeram um bom primeiro tempo na Neoquímica Arena. Matías Rojas, estreante pelo Alvinegro, foi um dos destaques com ótimos passes e chances de gol.

A melhor chance do Corinthians aconteceu aos 41’, após passe de Rojas para Róger Guedes cabecear na trave. O América respondeu e Cássio defendeu o chute de Mastriani.

Segundo tempo é repleto de gols e jogo termina nos pênaltis

A bola mal tinha voltado a rolar e Renato Augusto abriu o placar para o Corinthians. O camisa 8 aproveitou cruzamento de Fagner e colocou o Alvinegro na frente, empatando o placar geral do jogo.

O Alvinegro seguiu pressionando e, aos 19', Yuri Alberto recebeu de Ruan Oliveira após passe de Guedes, se jogou na área e marcou o segundo gol do Corinthians na partida.

O América não se abateu e, minutos depois, Martínez achou um bom passe para Benítez, o camisa 10 dominou, girou e marcou um golaço na Neoquímica Arena.

A segunda etapa era realmente de muitos gols. Três minutos após o Coelho diminuir, Róger Guedes ampliou a vantagem do Timão. O atacante aproveitou desvio de cabeça de Gil e de peixinho mandou para o fundo das redes.

Mas o Coelho não estava morto. Mesmo atrás do placar, o clube buscou o resultado que levava a partida para os pênaltis. Aos 37', Mastriani recebeu de Benítez e marcou o segundo gol do time mineiro no jogo, levando a partida para as penalidades.

Corinthians vence por 3 a 1 nas penalidades e garante a vaga na semifinal da Copa do Brasil

Nas cobranças, Marcinho desperdiçou para o América mandando por cima do gol; já Cássio defendeu o chute de Paulinho Bóia e de Benítez, garantindo a classificação do Alvinegro para a fase final do torneio nacional. Yuri Alberto marcou o gol da vaga.

FICHA TÉCNICA

Corinthians 3 (3) x 2 (1) América-MG

Local: Neo Química Arena, em São Paulo (SP)

Data e horário: sábado (15), às 16h30 (de Brasília)

Árbitro: Ramon Abatti Abel (Fifa-SC)

Auxiliares: Bruno Boschilia (Fifa-PR) e Victor Hugo Imazu dos Santos (PR)

Árbitro de vídeo: Rodolpho Toski Marques (VAR-Fifa-PR)

Cartões amarelos: Fagner, Yuri Alberto, Róger Guedes, Gabriel Moscardo (Corinthians); Benítez (América-MG)

Gols: Renato Augusto a 1’/2°T, Yuri Alberto aos 19'/2°T, Róger Guedes aos 26'/2°T (Corinthians); Benítez aos 23'/2°T, Mastriani aos 37'/2°T (América-MG)

CORINTHIANS: Cássio; Fagner (Bruno Méndez), Gil, Murillo e Fábio Santos; Fausto Vera (Ruan), Gabriel Moscardo (Matheus Araújo), Renato Augusto (Giuliano) e Matias Rojas (Adson); Róger Guedes e Yuri Alberto. Técnico: Vanderlei Luxemburgo.

AMÉRICA-MG: Matheus Pasinato; Marlon (Breno), Iago Maidana, Éder e Danilo Avelar (Nicolas); Lucas Kal (Paulinho Bóia), Juninho (Marcinho) e Emamanuel Martínez; Pedrinho, Mastriani e Everaldo (Benítez). Técnico: Vagner Mancini.

Veja sete motivos para acreditar que o Botafogo pode realmente ser campeão brasileiro

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.