Futebol Após problemas para deixar a Alemanha, Bayern chega ao Qatar para o Mundial de Clubes

Após problemas para deixar a Alemanha, Bayern chega ao Qatar para o Mundial de Clubes

Equipe alemã não conseguiu deixar o país germânico na sexta-feira e precisou dormir dentro do avião no aeroporto de Berlim. Estreia dos bávaros será na segunda-feira

Lance
Lance

Lance

Lance

Única equipe que ainda não estava no Qatar para o Mundial de Clubes, o Bayern de Munique desembarcou no país neste sábado para a disputa do torneio da Fifa. Após ter problemas para deixar a Alemanha, a equipe bávara aterrissou em Doha por volta das 16h do horário local (10h de Brasília).

+ Veja a tabela do Mundial de Clubes 2020


O clube alemão enfrentou o Hertha Berlin na sexta-feira, pelo Campeonato Alemão, e partiria direto da capital germânica para Doha. No entanto, o voo, que estava marcado para 23h15 (horário local), atrasou até 23h59. Com o tempo de decolagem previsto para um minuto e meio, o clube não pôde deixar o aeroporto, pois em Berlim é proibida a decolagem entre meia-noite e 7h.

+ Força máxima, em busca do tetra e seis títulos em um ano: veja como chega o Bayern para o Mundial

O Bayern tentou uma liberação especial do governo alemão para que a aeronave deixasse o aeroporto, mas não obteve sucesso. Com isso, o elenco vermelho passou a noite dentro do avião. Com a liberação pela manhã, o clube precisou parar em Munique para que a tripulação fosse substituída.

- Temos a impressão de que as autoridades competentes estão rindo de nós. Os responsáveis ​​não têm ideia do que fizeram ao nosso time - disse o diretor executivo do Bayern, Karl-Heinz Rummenigge, ao jornal "Bild".

+ Pelé prefere CR7! Veja a escolha de 50 personalidades do esporte entre Cristiano Ronaldo e Messi

Na próxima segunda-feira, o Bayern de Munique encara o Al Ahly (EGI), às 15h (de Brasília), pela semifinal do Mundial de Clubes. Caso avance para a final, o clube alemão terá pela frente um clube latino-americano: Palmeiras e Tigres (MEX) se enfrentam neste domingo.

Últimas