Silvio Lancellotti Enquanto a Espanha se consolida, a Alemanha continua bem medíocre

Enquanto a Espanha se consolida, a Alemanha continua bem medíocre

No Grupo 4 da Liga das Nações, tranquilo triunfo da "Fúria", 4 X 0 na Ucrânia. A "Mannschaft padeceu para segurar o empate, 1 X 1, diante da Suíça.

Espanha 4 X 0 Ucrânia, um dos tentos por Ansu Fati, número 17 e 17 anos

Espanha 4 X 0 Ucrânia, um dos tentos por Ansu Fati, número 17 e 17 anos

@UEFA

Principiou neste domingo, dia 6 de Setembro, a segunda rodada da fase de chaves da Liga das Nações, a “Nations League” da Europa, na sua segunda edição, temporada de 2020/2021. Pelo Grupo 4 da Divisão A da competição, se defrontaram a Suíça e a Alemanha, resultado de 1 X 1, e a Espanha e a Ucrânia, placar de 4 X 0. Segunda e terça haverá o complemento da jornada: duas partidas pelo Grupo 1 no dia 7, mais duas pelo Grupo 2 e duas pelo Grupo 3 no dia 8. Daí, a LN se interromperá até que ocorram a terceira e a quarta das suas seis etapas de classificação, entre 10 e 14 de Outubro.

Suíça 0 X 1 Alemanha, a ilusão do gol do barbudo Gundogan, da "Mannschaft"

Suíça 0 X 1 Alemanha, a ilusão do gol do barbudo Gundogan, da "Mannschaft"

@UEFA

Idealização da UEFA, a entidade que regula o Futebol no Velho Continente, para aproveitar as “Datas FIFA” com porfias efetivamente oficiais e não apenas caça-níqueis e sem valor comparativo, a CL reparte as 55 afiliadas por quatro séries, com promoção e rebaixamento. Embora sem torcida nos estádios e sem uma premiação ao nível dos R$ 320mi de 2018/19, Portugal campeão, graças aos direitos de TV esta LC ainda poderá garantir perto de R$ 95mi ao ganhador. No presente modelo, oferece quatro vagas extras na qualificatória da Eurocopa e outras duas nas eliminatórias da Copa do Catar. E também serve para a crucial acumulação de pontos no ranking da entidade.


Eis as quatro chaves da Divisão A.

A separação, grupo a grupo, das 16 seleções da Divisão A

A separação, grupo a grupo, das 16 seleções da Divisão A

Reprodução Marca

GRUPO 1
Neerlândia (2), Itália (8), Bósnia-Herzegovina (9) e Polônia (14)

GRUPO 2
Inglaterra (3), Bélgica (5), Dinamarca (11) e Islândia (16)

GRUPO 3
Portugal (1), França (6), Suécia (12) e Croácia (13)

GRUPO 4
Suíça (4), Espanha (7), Ucrânia (10) e Alemanha (15)


JOGOS DO DIA 6 – GRUPO 4

Alemanha, a vã celebração do 1 X 0

Alemanha, a vã celebração do 1 X 0

@DieMannschaft

Suíça 1 X 1 Alemanha
St.Jakob-Park, Basiléia
Árbitro: Michael Oliver (Ing)
Gols: Widner X Gundogan

Parecia melhor a Helvécia dona da casa quando, aos 14’, perto da linha de fundo, Ginter recuou a pelota à entrada da área e, de chapa, quase de tornozelo, Gundogan bateu, um arremate esquisito que, no entanto, entrou bem junto ao poste esquerdo do arqueiro Sammer, a Germânia 1 X 0. E o elenco de Joachim Loew dispôs de mais meia-hora para definir o cotejo ao seu favor na etapa inicial. Porém, vício da Alemanha, empacou. Loew com certeza se esqueceu de que a sua “Mannschaft” apenas disputa a Série A desta NL porque a UEFA subiu de doze para dezesseis as seleções da série de cima.

Widner, o justo alívio pelo gol do 1 X 1

Widner, o justo alívio pelo gol do 1 X 1

@Nati

Consequência: no intervalo, Vladimir Petkovic arrumou o seu esquema de jogo e a Suíça melhorou bastante, até merecer a igualdade, aos 57’, numa bela descida de Breel Embolo pelo flanco sinistro, o seu drible em dois beques e o toque até Widner, um arremate raso na diagonal, sem qualquer chance para o arqueiro Bernd Leno. Medíocre Alemanha, que só não deglutiu uma derrota porque, nos acréscimos, duas vezes no mesmo lance, a “Nati” perdeu a chance dos 2 X 1. No Grupo 4, a “Mannschaft” amarga meramente a terceira posição, 2 pontos. E a Suíça, semifinalista em 2019, amarga a rabeira.

O momento do penal que Sérgio Ramos converteu, Espanha 1 X 0 Ucrânia

O momento do penal que Sérgio Ramos converteu, Espanha 1 X 0 Ucrânia

#ESPUKR

Espanha 4 X 0 Ucrânia
Estádio Alfredo Di Stefano, Madrid
Árbitro: Benoît Bastien (Fra)
Gols: Sérgio Ramos 2/1pen, Ansu Fati, Ferrán Torres

O garoto Ansu Fati, 17 de idade, e o veterano Sérgio Ramos, o dobro, 34 anos,  decidiram depressinha o sucesso da “Fúria”. Antes mesmo dos 3’, Fati recebeu um trança-pé boboca de Kryvtsov, penal que Ramos converteu, geladamente. Aos 29’, Olmo cruzou e o capitão escorou de testa, 2 X 0. Aos 32’, no flanco esquerdo, entrada da área, Fati cortou um zagueiro e fulminou de destra, no canto oposto, 3 X 0, o seu primeiro gol como profissional. Belíssimo, aliás.

A festa de Ansu Fati, 17 de idade, e Sérgio Ramos, 34

A festa de Ansu Fati, 17 de idade, e Sérgio Ramos, 34

#ESPUKR

Lógico, então, que a “Fúria” diminuísse o seu ritmo. O treinador Luís Enrique trocou três jogadores. E coube a um reserva, Ferrán Torres, aos 84’, cravar o gol dos 4 X 0. A Espanha na liderança do seu Grupo, 4 pontos em 6 possíveis. Ironia: apesar da derrota deste domingo, a Ucrânia, que havia sobrepujado a Suíça na Rodada 1, ainda mantém a sua segunda posição, com 3 pontos.


JOGOS DO DIA 7 – GRUPO 1

A Johan Cruijff ArenA de Amsterdam, Neerlândia

A Johan Cruijff ArenA de Amsterdam, Neerlândia

ajax.nl

Neerlândia X Itália
Johan Cruijff ArenA, Amsterdam
Árbitro: Felix Brych (Ale)

Bósnia-Herzegovina X Polônia
Stadion Bilino Polje, Zenica
Árbitro: Cunyet Çakir (Tur)


JOGOS DO DIA 8 – GRUPO 2

Dinamarca X Inglaterra
Parken Stadium, Copenhague
Árbitro: István Kovacs (Rom)

Bélgica X Islândia
Stade Roi Baudouin, Bruxelas
Árbitro: Pawel Raczkowski (Pol)


JOGOS DO DIA 8 – GRUPO 3

A Friends Arena de Solna, Suécia

A Friends Arena de Solna, Suécia

Swedsbank

Suécia X Portugal
Friends Arena, Solna
Árbitro: Danny Makkelie (Hol)

França X Croácia
Stade de France, Saint-Denis
Árbitro: Ovidiu Hategan (Rom)


OS JOGOS JÁ REALIZADOS:

Alemanha 1 X 1 Espanha
Arena Mercedes-Benz, Stuttgart
Árbitro: Daniele Orsato (Ita)
Gols: Timo Werner X Gayà

Ucrânia 2 X 1 Suíça
Arena Lviv, Lviv
Árbitro: Andreas Ekberg (Sue)
Gols: Yarmolenko, Zinchenko X Seferovic

A seleção da Neerlândia, a ex-Holanda

A seleção da Neerlândia, a ex-Holanda

@OnsOranje

Neerlândia 1 X 0 Polônia
ArenA Johan Cruijff, Amsterdam
Árbitro: Georgi Kabakov (Bulgária)
Gol: Bergwijn

Itália 1 X 1 Bósnia-Herzegovina
Stadio Artemio Franchi, Florença
Árbitro: Anastasios Sidiropulos (Grècia)
Gols: Sensi X Dzeko

Islândia 0 X 1 Inglaterra
Laugardalsvoellur, Reykjavyk
Árbitro: Srdan Jovanovic (Ser)
Gol: Sterling

A seleção da Bélgica

A seleção da Bélgica

@BelRedDevils

Dinamarca 0 X 2 Bélgica
Parken Stadium, Copenhague
Árbitro: Sandro Schaerer (Sui)
Gols: Denayer, Mertens

Suécia 0 X 1 França
Friends Arena, Solna
Árbitro: Szymon Marciniak (Pol)
Gol: Mbappé

Portugal 4 X 1 Croácia
Estádio do Dragão, Porto
Árbitro: Dàvide Massa (Ita)
Gols: João Cancelo, Diego Jota, João Felix, André Silva X Petkovic

Cristiano Ronaldo e a taça de campeão da Liga das Nações, em 2019

Cristiano Ronaldo e a taça de campeão da Liga das Nações, em 2019

UEFA

Haverá mais quatro rodadas até dia 18 de Novembro. Em Junho de 2021, com as datas ainda não estabelecidas, os ganhadores de cada Grupo disputarão, em mata-matas de peleja única, emparceiramentos decididos por sorteio, as semifinais. Daí se realizará a decisão. Todos esses prélios se desenrolarão num único país, definido entre os quatro participantes. Os últimos de cada Grupo serão rebaixados à Série B, que promoverá à Série A os seus quatro melhores. Igualmente acontecerá o decenso da Série B para a C e da C para a D, assim como as respectivas subidas da D para a C e da C para a B.


Gostou? Clique num dos ícones para “Compartilhar”, ou “Twittar”, ou deixe a sua opinião sobre este meu texto no meu “FaceBook”. Caso saia de casa, use máscara. E fique com o meu abração virtual! Obrigadíssimo!

Últimas