Cosme Rímoli Vexame. 8 jogos sem vencer. Pior campanha da história do São Paulo

Vexame. 8 jogos sem vencer. Pior campanha da história do São Paulo

Time de Hernán Crespo empatou com o Corinthians, em Itaquera, 0 a 0. Nunca em campeonato algum, o São Paulo ficou as oito primeiras partidas sem uma vitória

  • Cosme Rímoli | Do R7

Benítez muito recuado. São Paulo sem criatividade, medroso, empata em 0 a 0 com o Corinthians

Benítez muito recuado. São Paulo sem criatividade, medroso, empata em 0 a 0 com o Corinthians

Rubens Chiri/São Paulo

São Paulo, Brasil

Jamais na história do São Paulo, o clube começou qualquer campeonato sem ao menos uma vitória nas oito primeiras partidas.

Ele vexame foi alcançado ontem, em Itaquera, em um clássico horrível, péssimo, sem emoção, sem ataque, contra o Corinthians. O placar de 0 a 0 refletiu não apenas no placar.

Mas na classificação.

De 24 pontos, o clube só conseguiu cinco. A campanha deixa o São Paulo estagnado na zona do rebaixamento, com três derrotas e cinco empates.

E outra vez, Daniel Alves atuou no meio de campo, como segundo volante.

O rendimento para o time foi péssimo.

Não por acaso, o São Paulo marcou apenas quatro gols Brasileiro. E sofreu nove.

A falta de criatividade chega a ser irritante.

Sem criatividade, burocrático, especialista em passes para o lado.

Foi ordem de Hernán Crespo. Mesmo com Covid, o treinador tem imposto a maneira que deseja o time jogar ao seu auxiliar Juan Branda.

Foi ele quem comandou o time em Itaquera.

E manteve Daniel Alves o tempo todo, mesmo atuando mal.

"A intenção foi a vitória. Tentamos do minuto zero ao minuto 95. Tratamos o tempo todo de tentar a vitória, vimos a intenção de uma equipe e da outra", disse Branda, tentando repassar a culpa do futebol medroso, lento, fraco ao Corinthians.

O auxiliar distorceu a realidade.

Nenhum dos times tentou o ataque o tempo todo. Com medo de mais uma derrota, os dois se acomodaram no 0 a 0.

Pelo potencial do elenco, o rebaixamento não preocupa.

Mas o sonho de voltar a ser campeão do país, torneio que não vence há 13 anos, já começa a se complicar.

A campanha assusta a Comissão Técnica.

E prejudica a diretoria, que busca, desesperada, um patrocinador master.

Luan e Miranda ainda deixaram o clássico com fortes dores musculares.

O time enfrenta no domingo, o líder do Brasileiro, no Morumbi.

O Red Bull Bragantino.

A preocupação é o clube bater o próprio recorde negativo.

E chegar à nona partida sem vitória nos seus primeiros nove jogos no Brasileiro.

A campanha já é vergonhosa...

Adriano compra cobertura de luxo avaliada em R$ 4 milhões

Últimas