Cosme Rímoli Timão quer pagamento total. Não meia entrada para crianças e idosos

Timão quer pagamento total. Não meia entrada para crianças e idosos

Clube fez como Flamengo e São Paulo. Entrou na justiça para  receber do governo o complemento das meias entradas. A pressão é para que acabem

  • Cosme Rímoli | Do R7

Corinthians briga na justiça. Quer que governo complete o dinheiro das meia entradas

Corinthians briga na justiça. Quer que governo complete o dinheiro das meia entradas

Corinthians

São Paulo, Brasil

Atolado em dívidas, que ultrapassariam os R$ 900 milhões, de acordo com o ex-presidente e candidato à sucessão de Andrés Sanchez, Mario Gobbi, o Corinthians faz de tudo para buscar dinheiro.

O clube resolveu seguir os passos dos rivais São Paulo e Flamengo.

Quer ressarcimento dos últimos cinco anos de todas as meias-entradas vendidas na sua arena, para crianças e idosos, deficientes e jovens de 15 a 29 anos, de baixa renda.

A ação está na 14ª Vara Cível de São Paulo.

A direção corintiana repete a alegação da direção do São Paulo e Flamengo.

É obrigação do estado bancar esse privilégio da meia entrada para as crianças e idosos, deficientes e jovens de baixa renda.

E que o clube não pode arcar com o prejuízo de uma decisão estatal, já que é ele quem organiza os os jogos, 'vende' o direito.

Direção não está preocupada com a opinião pública. Quer o dinheiro 'cheio' das entradas

Direção não está preocupada com a opinião pública. Quer o dinheiro 'cheio' das entradas

Agência Corinthians

Os dirigentes de São Paulo, Flamengo e Corinthians esperam a adesão dos demais grandes clubes do Brasil.

Para, das duas, uma.

Ou o governo banca essa diferença.

Ou as meias entradas vão acabar.

Idosos, crianças, deficientes pagarão o preço total da entrada.

Sem a mínima preocupação com pandemia, desemprego, recessão.

Os clubes querem aumentar suas receitas.

Simples assim...

Curta a página do R7 Esportes no Facebook

Acusado de agressão e expulso de condomínio: as polêmicas do reforço do Corinthians

Últimas