Cosme Rímoli Revoltado, Casagrande processa dirigente que o chamou de 'viciado'

Revoltado, Casagrande processa dirigente que o chamou de 'viciado'

O comentarista decidiu procurar a justiça. E com o aval da Globo processou dirigente do Atlético-GO, que o classificou como 'viciado' e imbecil

  • Cosme Rímoli | Do R7

Casagrande promete doar todo o dinheiro do processo para instituições de caridade

Casagrande promete doar todo o dinheiro do processo para instituições de caridade

Reprodução/Instagram Casagrande

São Paulo, Brasil

"Vou falar de um dos que fizeram as críticas, o Casagrande. Se perguntassem se buscar cocaína no Paraguai era bom, ele falaria que é, porque ele é viciado em droga e não está acostumado com preparo físico, com respeitar vidas, com preservar vidas."

"Os que estão fazendo essa tempestade em copo d'água são uns imbecis politicamente corretos."

As palavras foram de Jovair Arantes, à Band News FM. Ele é o presidente do Conselho Deliberativo do Atlético-GO e ex-deputado federal.

Casagrande promete contar em documentário detalhes de seu envolvimento com as drogas

Casagrande promete contar em documentário detalhes de seu envolvimento com as drogas

Reprodução/Instagram

Em maio, ele atacou Casagrande, ex-jogador e comentarista da TV Globo. Foi o troco pelas críticas pelo Atlético Goianiense ter vacinado seus atletas contra a covid, no Paraguai.

Casagrande, que teve sérios problemas com consumo de drogas, consultou a Globo.

A emissoria permitiu.

E ele processou Jovair Arantes.

Seus advogados exigem R$ 16,9 mil como indenização por danos morais.

O processo está na 5ª Vara Cível de São Paulo.

Casagrande já antecipou.

Se ganhar a causa, distribuirá o dinheiro para instituições de caridade.

Casagrande foi viciado em álcool e cocaína.

Ele assume ser dependente químico. 

O primeiro evento que assume ter trabalhado sóbrio foi a Olimpíada de 2016.

Casagrande fez questão de processar o dirigente atleticano. Não aceita que o chamem de 'viciado'. Porque não é mais. Daí considerar injúria, difamação.

O ex-jogador do Corinthians está ansioso.

Porque a diretora Susanna Lira está em fase de produção de um documentário sobre sua vida. No qual Casagrande promete expor seus 37 anos de vício. Ele acredita que poderá ajudar muitas pessoas com problemas com drogas.

Até por isso, considera fundamental vencer o processo contra Jovair...

Vovô trincado: Zé Roberto chega aos 47 esbanjando físico invejável

Últimas