Campeonato Brasileiro

Cosme Rímoli 'O Flamengo é muito grande para desistir de qualquer competição.' Renato Gaúcho

'O Flamengo é muito grande para desistir de qualquer competição.' Renato Gaúcho

O Flamengo, mesmo com inúmeros desfalques, se impôs de forma impressionante contra o Fortaleza, no Ceará. Vitória por 3 a 0. E segue lutando pelos títulos do Brasileiro, Copa do Brasil e Libertadores

  • Cosme Rímoli | Do R7

Pedro mostra, com orgulho, o distintivo do Flamengo. Time segue brigando pelos três títulos

Pedro mostra, com orgulho, o distintivo do Flamengo. Time segue brigando pelos três títulos

Alexandre Vidal/Flamengo

São Paulo, Brasil

Renato Gaúcho foi na direção oposta de Abel Ferreira.

Se o treinador do Palmeiras, depois da goleada que tomou do Red Bull Bragantino, desistiu do Brasileiro e vai focar na decisão da Libertadores, o técnico do Flamengo, não. 

Depois da marcante vitória diante do Fortaleza por 3 a 0, em pleno Ceará, com gols de Pedro e dois de Michael, Renato Gaúcho assume que acredita no título brasileiro, como na Copa do Brasil, que o clube é semifinalista, e da Libertadores, que enfrentará justamente o Palmeiras na decisão, dia 27 de novembro.

"Nosso torcedor pode ficar tranquilo, porque sempre buscamos o melhor para o clube. O Flamengo está invicto há seis partidas. Estamos na final da Libertadores. Estamos na final da Copa do Brasil. E estamos brigando pelo título brasileiro, e tenho esse sonho.

"Estamos a 11 pontos do Atlético, mas temos dois jogos e menos e um confronto direto. O Flamengo é o único na disputa de três competições. E bem nas três competições.

"O Flamengo é muito grande para desistir de qualquer competição."

Gabigol, Everton Ribeiro, Arrascaeta e Isla (convocados para as Eliminatórias); David Luiz, Gustavo Henrique e Diego Ribas contundidos já eram desfalques certos. Bruno Henrique e Diego Alves não tiveram condições físicas e não atuaram também contra o Fortaleza.

Mesmo assim o Flamengo venceu com autoridade.

"Quase sempre os adversários jogam dessa forma (se limitando a defender e contragolpear). Sempre busco a vitória. O mais importante foi que tivemos paciência e não nos desorganizamos. Criamos as situações e fizemos os gols.

"O time esteve bem taticamente, tecnicamente e correu muito bem. O Fortaleza é sempre muito difícil de ser batido. Muitos jogadores na seleção, machucados... mas isso aqui é Flamengo!"

Michael comemora. Mais dois gols seus. Renato Gaúcho recuperou o jogador

Michael comemora. Mais dois gols seus. Renato Gaúcho recuperou o jogador

KELY PEREIRA/AGIF - AGÊNCIA DE FOTOGRAFIA/ESTADÃO CONTEÚDO

Renato Gaúcho exala autoconfiança.

E segue obcecado.

Promete continuar acreditando.

Fazer o Flamengo lutar de verdade pelo três títulos que disputa.

Também bem ao contrário de Abel Ferreira, não irá usar as partidas do Brasileiro e da Copa do Brasil para preparar o time para a final da Libertadores.

Vai fazer o máximo para ganhar cada jogo.

E fazer de 2021, outro ano histórico na vida do Flamengo...

Futebol e os Tio Patinhas: Conheça bilionários que são donos de clubes

Últimas