Campeonato Brasileiro

Cosme Rímoli Abel Ferreira. Pacto com os jogadores para arrancada pelo título brasileiro

Abel Ferreira. Pacto com os jogadores para arrancada pelo título brasileiro

O treinador português quer aproveitar os praticamente dois meses até a final da Libertadores. E quer seu time dando uma arrancada inesperada para o título brasileiro, que Abel tanto valoriza

  • Cosme Rímoli | Do R7

Abel Ferreira tem dois meses para dar uma arrancada e encaminhar também o título brasileiro

Abel Ferreira tem dois meses para dar uma arrancada e encaminhar também o título brasileiro

Cesar Greco/Palmeiras

São Paulo, Brasil

27 de novembro.

Data da final da Libertadores.

Até lá, o Palmeiras tem 13 partidas para disputar.

São 39 pontos.

Todas do Campeonato Nacional.

Já que o clube foi eliminado da Copa do Brasil.

Abel Ferreira acredita piamente que o clube poderá surpreender e derrubar a pretensão do Flamengo de ser tricampeão brasileiro.

A primeira providência foi tomada.

A CBF concedeu a chance para os clubes paulistas que fossem mandantes e quisessem adiar seus jogos, não haveria problema. O adiamento seria porque o estado de São Paulo vai liberar a entrada de público no dia 4 de outubro. 

O Santos aceitou e não jogará neste final de semana contra o Fluminense.

Mas Abel avisou a diretoria palmeirense que o melhor seria colocar o time em campo neste domingo, contra o Juventude, para não perder o embalo da Libertadores, que a equipe já se classificou para a final.

Os dirigentes, mesmo deixando de ganhar dinheiro, aceitaram a postura de Abel.

O treinador já tem um planejamento detalhado dos jogos. 

E quer empolgar time e torcida dando uma arrancada. Para isso precisa ganhar não só doJuventude, como do América, em Belo Horizonte, depois, o Red Bull Bragantino, no Allianz; depois, o Bahia, em Salvador.

A diferença para o líder Atlético Mineiro já chega a oito pontos.

"Essa competição, na minha opinião, está aberta, é uma maratona. Quando cheguei no ano passado, o primeiro colocado tinha 15, 12 pontos de diferença, e foi perdendo. É preciso, portanto, estar sempre alerta.

"Eu não atiro toalha ao chão, vamos acreditar."

Abel não poupará jogador antes de entrar na semana da Libertadores.

Quer todos no seu melhor estado atlético. E mostrando personalidade.

Somando os três pontos por jogo.

O Flamengo é bicampeão nacional. Sua diretoria quer o tricampeonato. Renato Gaúcho foi avisado. Mas além dos jogos pelo Brasileiro, há as duas decisões com o Athletico Paranaense para chegar à final da Copa do Brasil.

O líder Atlético Mineiro também terá a semifinal da Copa do Brasil e o 'luto' por haver sido eliminado da Libertadores pelo Palmeiras.

Os jogadores també acreditam ser possível vencer o Brasileiro e a Libertadores. E fizeram um pacto de dedicação total neste final de ano às 17 partidas no Brasileiro e a final da Libertadores.

Aliás, o time ter eliminado o Atlético Mineiro, em Belo Horizonte, diante de sua fanática torcida, deu muita convicção à equipe verde.

A diretoria e a Crefisa garantem premiações especiais pelos dois torneios.

A empolgação dos atletas é impressionante. 

A confiança voltou.

Abel quer fazer história, de novo com o Palmeiras.

Já chegou à final da Libertadores.

Agora, fará de tudo para ficar com o título do Brasileiro.

Na temporada passada foi a Libertadores e a Copa do Brasil.

"Eu acredito nos meus jogadores, que são os melhores do mundo para mim.

"E ninguém quer ganhar mais títulos do que eu", disse Abel Ferreira.

Daí o foco, nestes dois meses, no Brasileiro.

Atlético Mineiro e Flamengo podem se surpreender...

Do tumor retirado à alta hospitalar: os 30 dias de Pelé internado

Últimas