Esportes Palmeirenses festejam vaga, ajuste no vestiário e atitude em Belo Horizonte

Palmeirenses festejam vaga, ajuste no vestiário e atitude em Belo Horizonte

Os jogadores do Palmeiras fizeram uma enorme festa no estádio Independência ao conquistarem a vaga à decisão da Copa do Brasil, contra o Grêmio. Extenuados após 10 jogos disputados no mês de dezembro, Luiz Adriano e Rony, autores do gols, preferiram dividir os méritos na vitória por 2 a 0. Elogiaram o acerto do time no vestiário e a postura em Belo Horizonte.

Frio e preciso na marcação do gol que abriu o caminho para a quinta decisão do Palmeiras na Copa do Brasil, o atacante Luiz Adriano colocou na conta do técnico Abel Braga o peso da classificação.

"(O motivo para a vitória) veio no intervalo. Nosso treinador ajeitou o time", afirmou. "Isso foi fundamental. Ele (Abel Ferreira) falou para ter tranquilidade. Tivemos espaços e conseguimos fazer os gols."

Luiz Adriano foi escolhido o melhor do jogo e recebeu a "bênção" de Rony, autor da assistência e que anotou o segundo gol. Apesar do destaque na etapa final, nada de questionar o "prêmio" do companheiro. "Claro que ele foi o melhor."

Campeão e destaque do título com o Athletico-PR na edição passada, Rony espera repetir a dose com o Palmeiras. "O grupo todo está de parabéns, soubemos suportar o time deles, que está fazendo uma Série B muito boa, perto de subir, a pressão. Mas sabemos o que queremos. Almejamos títulos", enfatizou.

Depois de um início difícil no Palmeiras, Rony vem se destacando com Abel Ferreira. Além dos gols, o atacante também ajuda muito com as assistências. Depois de um primeiro tempo ruim no Independência, o ponta fez um segundo tempo perfeito.

"Enquanto eu estiver no Brasil, estarei lutando pelo título da Copa do Brasil. No Palmeiras, buscarei sempre dar o meu melhor, ajudando-o a conquistar títulos", afirmou. "Fui contratado para isso e espero seguir dando o meu melhor."

Campeão em 1998, 2012 e 2015, o Palmeiras pode se isolar como o time paulista com mais conquistas, superando o rival Corinthians. Antes da decisão, porém, terá de virar a ficha para as semifinais da Libertadores. Dia 5 visita o River Plate. Os jogos contra o Grêmio ocorrem apenas em fevereiro.

Últimas